Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

Prefeitura do Rio anuncia restrições à circulação em via pública e proíbe quiosques e eventos

Prefeito do Rio de Janeiro vai recorrer a falta de vacinas (Foto: Divulgação/Prefeitura do Rio)
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 

A Prefeitura do Rio publicou no Diário Oficial, nesta quinta-feira (4)  a determinação de novas medidas restritivas para tentar conter o avanço da Covid-19 no município. A partir de amanhã, 5 de março, fica proibido permanecer em espaços públicos e praças entre 23h e 5h . A circulação será permitida. Quiosques, bares e feiras de artesanato estão proibidas de funcionar. As medidas valem até 11 de março.

De acordo com o prefeito Eduard Paes, aumentos dos atendimentos de síndrome gripal e síndrome respiratória aguda grave foram determinantes para a adoção de regras mais rígidas na capital. “Todas as medidas que anunciamos hoje tem um objetivo principal de evitar que se repita em 2021 o genocídio de 2020 na cidade do Rio de Janeiro”, disse Paes durante coletiva nesta manhã.

Bares e restaurantes só poderão abrir das 6h às 17h, e com 40% de ocupação, inclusive em shoppings centers. Não será permitido o funcionamento de qualquer atividade comercial e de prestação de serviços nas praias, incluindo o comércio ambulante e os quiosques; assim como eventos, festas e rodas de samba.

Fotos: Reprodução TV

pt Português
X
Open chat