Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

“Vacinas devem ser tomadas com intervalo”, diz biomédico sobre campanhas contra Covid-19 e gripe

Rio de Janeiro vai vacinar moradores de rua contra a Covid-19 (Foto: Divulgação)
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

Por Alan Alves

O Brasil enfrenta atualmente um duplo desafio: realizar duas campanhas de vacinação ao mesmo tempo, sendo uma contra a gripe, com objetivo de vacinar cerca de 80 milhões de pessoas, e a outra contra a covid-19, cuja meta é imunizar quase 150 milhões de brasileiros até o meio do ano.

A vacinação contra a covid-19 teve início em janeiro, começando por trabalhadores de saúde, pessoas em asilos com 60 anos de idade ou mais e com deficiência e indígenas aldeados. Já a campanha contra a Influenza, o vírus da gripe, começou no dia 12 de abril e segue até 9 de julho. Nesse ano, por causa da pandemia, a vacinação foi iniciada por crianças, gestantes, puérperas, indígenas e trabalhadores da saúde. Depois, será a vez dos idosos e professores.

As campanhas simultâneas têm gerado muitas dúvidas nas pessoas: quem deve tomar cada vacina? É preciso ter um intervalo entre elas ou as pessoas podem tomar as duas (da gripe e Covid-19) num mesmo dia, por exemplo?

Para esclarecer esses questionamentos, o Jornal DR1 procurou o biomédico virologista Raphael Rangel, que respondeu a 9 perguntas sobre isso.

Biomédico virologista Raphael Rangel. (Foto: Divulgação)

JORNAL DR1 – Quem deve tomar a vacina da gripe e quem deve tomar a da Covid-19

Dr. Raphael Rangel: A população deve respeitar os calendários de vacinação implementados pelos municípios, é importante que todos se vacinem respeitando sua faixa etária e período de vacinação.

JORNAL DR1 – Posso tomar as vacinas juntas, num mesmo dia?

Dr. Raphael Rangel: Não. As vacinas devem ser tomadas com um intervalo. No caso da Coronavac, a vacina da gripe deve ser tomada 15 dias após a segunda dose, e no caso da Astrazeneca, após 15 dias da primeira ou segunda dose.

JORNAL DR1 – Se eu puder escolher, qual vacina devo tomar primeiro?

Dr. Raphael Rangel: Da Covid-19.

JORNAL DR1 – Posso tomar a vacina da Covid-19 e a vacina da gripe se eu já peguei Covid?

 Dr. Raphael Rangel: Sim. A imunização completa é somente através da vacinação.

JORNAL DR1 – Tomei a vacina da gripe no ano passado. É preciso tomar novamente este ano?

Dr. Raphael Rangel: Sim, devemos tomar anualmente, pois o vírus da gripe sofre mutações e as vacinas são atualizadas de acordo com essas mutações.

JORNAL DR1 – Por que a campanha da gripe começou neste momento? Não poderia ser adiada por causa da pandemia?

Dr. Raphael Rangel: Começamos pois estamos nos aproximando do momento em que temos mais casos de gripe e a vacina irá evitar um número de casos alto.

JORNAL DR1 – Tomar a vacina da gripe deixa o corpo menos suscetível à Covid-19, ou vice-versa?

Dr. Raphael Rangel: Não. Cada vacina tem sua aplicabilidade específica para seu patógeno.

JORNAL DR1 – Há contraindicações para as duas vacinas?

Dr. Raphael Rangel: Não há containdicação. Em caso de dúvidas procurar seu médico para orientação.

JORNAL DR1 – Quais os cuidados na hora de ir se vacinar?

 Dr. Raphael Rangel: Uso de máscara e procurar não se aglomerar.

pt Português
X
Open chat