Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

Grasshopper: Google traz ao Brasil ensino gratuito de programação

Foto: Reprodução
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

No último 8 de junho, o Google lançou no Brasil uma versão do aplicativo que tem como intuito ensinar programação, até mesmo para iniciantes. Chamado Grasshopper, ele já pode ser encontrado para PC ou como aplicativo para dispositivos Android e lá você aprende a montar sites, criar animações, entre outras técnicas.

O programa, que foi criado por uma equipe do próprio Google chamada “Area 120” não é novo. Ele foi feito lá em 2018, sendo lançado aqui em nosso país só agora. De acordo com a companhia, o lançamento para o Brasil tem como objetivo “remover as barreiras que limitam o acesso à educação e preparar adultos e jovens para carreiras que utilizam a programação”.

A empresa afirmou que essa é uma oportunidade importante, já que o conhecimento em programação se tornou essencial para os profissionais do futuro.

“Programar está se tornando uma habilidade essencial no mercado de trabalho, e queremos que todos possam aprender sobre isso”, afirmou Susana Ayarza, diretora de marketing do Google.

O Grasshopper integra o programa Cresça com o Google, que reúne programas da marca que são voltados para o desenvolvimento de pessoas e negócios.

As aulas são realizadas através de uma metodologia interativa. Assim, o usuário consegue aprender com ajuda de quebra-cabeças visuais, entre outros recursos. A plataforma permite que as pessoas tenham acesso a lições sobre como criar animações com JavaScript, resolver problemas com códigos e até construir sites com HTML e CSS.

O aplicativo já foi utilizado por pelo menos 1 hora por mais de 1 milhão de pessoas desde que foi lançado em 2018. O Google lembrou, ainda, que o Grasshopper tem ajudado na inclusão de mulheres no setor de tecnologia. Inclusive, o nome da ferramenta foi dado em homenagem a Grace Hopper, uma das pioneiras na programação de computadores.

A principal novidade é que agora os brasileiros terão todas as instruções, incluindo suporte e feedback em seu idioma nativo. Isso porque o conhecimento em tecnologia é essencial para o futuro.

De acordo com a McKinsey, até 2030, o país precisará de 1 milhão de profissionais nesta área. Sendo assim, as oportunidades em programação aparecem como um dos caminhos neste cenário, atraindo cada vez mais as pessoas que acabam direcionando suas carreiras para desenvolverem o lado de programador.

Um estudo recente do Google com a consultoria Bain & Company demonstrou que no Brasil, em média 30% dos desenvolvedores vieram de outras atividades. Do total, 80% dizem que houve melhoria na qualidade de vida e também na perspectiva de crescimento. Enquanto metade diz que recomendaria a carreira para seus amigos.

Por último, mas não menos importante, é válido lembrar que ao final de cada curso escolhido no Grasshoper haverá um certificado no final. Não podemos esquecer que a Iniciativa é realmente boa, vale a pena tirar 5 minutinhos do seu dia (no app há um espaço de lembrete com horários para dias seguidos ou alternados, flexionando o seu aprendizado de acordo com a sua agenda semanal) e aprender uma nova profissão. Fica a Dica.

Aisha Raquel Ali
Webdesigner, assessoria em social media e marketing
aisha.raquel@jornaldr1.com.br

pt Português
X
Open chat