Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

Baixa nos diagnósticos de câncer durante a pandemia

Foto : Divulgação
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

A diminuição do número de diagnósticos da doença não é um dado que tranquiliza, pelo contrário, é preocupante

A Covid-19 mudou não só a rotina de profissionais de saúde, mas também de toda a parcela de pacientes e pessoas que dependem do mesmo sistema, seja ele público ou privado. Com o começo da pandemia, a indicação foi de que a população optasse por adiar ou remarcar consultas, a não ser que fossem casos graves, o que levou muitas pessoas a deixarem o famoso checkup de rotina de lado.

O grande problema é que doenças e outras enfermidades, acabaram tendo uma baixa nos diagnósticos nesse período, obviamente pela falta de consultas que antes eram feitas com mais frequência. Dentre esses problemas está o câncer, que durante a pandemia teve uma baixa nos diagnósticos, o que implica em um descobrimento tardio da doença.
Segundo cirurgião de cabeça e pescoço Dr. Bruno Albuquerque, o descobrimento tardio pode não só aumentar a duração de um possível tratamento devido ao grau mais avançado que a doença pode estar, como também pode prejudicar a combatividade do mesmo perante a doença.

Diferente de demais enfermidades, o câncer muitas vezes pode agir silenciosamente, demorando para a pessoa perceber de fato que tem algo errado em seu corpo. Segundo o GLOBOCAN (Global Câncer Observatory), cerca de 10 mil pessoas morreram devido a doença só no ano de 2020.

Uma das medidas preventivas é o diagnóstico precoce, que pode ser feito através de checkups de rotina e exames laboratoriais indicados pelo médico.

É imprescindível para o tratamento de um câncer, que a pessoa não espere ele se manifestar de maneira clara, ou seja, consultas e exames periódicos são o diferencial para a identificação precoce, e para um tratamento mais efetivo e menos agressivo – afirma o cirurgião de cabeça e pescoço

Se você não está com seus exames em dia, é importante atualiza-los, mesmo durante a pandemia. Obviamente todos os cuidados perante a Covid-19 devem ser mantidos, mas é essencial que você faça suas consultas periódicas com um profissional especializado na área, afinal todo cuidado é pouco quando se trata de uma doença que atinge tantas pessoas no mundo.

pt Português
X
Open chat