Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

Alunos das escolas públicas cariocas voltam às aulas presenciais

Escolas municipais: aulas sem rodízio e sem distanciamento
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

A prefeitura do Rio de Janeiro determinou a volta obrigatória das aulas presenciais para todos os alunos das escolas públicas municipais a partir do último dia 03. Só poderão continuar estudando online os alunos que apresentarem laudo médico comprovando comorbidades. Segundo o prefeito Eduardo Paes, o patamar atual de vacinação e o baixo índice de novos casos permitem o retorno das atividades.

As aulas já estavam acontecendo presencialmente desde fevereiro, com rodízio de alunos e distanciamento de carteiras. A partir de 18 de outubro o rodízio foi suspenso e os alunos não precisaram mais manter o distanciamento, mas o uso de máscaras continuou obrigatório. A última etapa, com retorno presencial integral e obrigatório, foi anunciada no último dia 26 e começou depois do feriado de Finados.

O sindicato dos professores continua afirmando que as escolas não têm condições de cumprir corretamente os protocolos de segurança. O mês de outubro teve o índice mais baixo do ano de internações por Covid-19, mas a vacinação atingiu somente os adolescentes a partir de 12 anos, que, por enquanto, receberam apenas uma dose de vacina. Só os jovens com comorbidades ou imunossuprimidos receberam duas doses, índice que não chega a 1%. A imunização de menores dos 5 aos 12 anos ainda não foi liberada e não há previsão de vacinação desta faixa etária, que é a maioria dos alunos das escolas municipais.

Entre os trabalhadores da educação o número de vacinados é alto, mas, no geral, apenas 65% dos cariocas estão com vacinação completa. Embora o Comitê Científico da prefeitura entenda que este quadro é satisfatório, muitos especialistas consideram este patamar insuficiente para o retorno das atividades escolares.

Escola Firjan-Sesi tem vagas gratuitas de Ensino Médio com Formação Profissional

Termina no próximo dia 15, às 18h, o prazo para inscrição no processo seletivo para o Novo Ensino Médio da Firjan SESI. Pelo terceiro ano, as escolas da rede oferecem vagas gratuitas para jovens com renda familiar de até 1,5 salário mínimo por pessoa. As aulas são em horário integral,com Formação Geral pela manhã e Ensino Profissionalizante à tarde.

A Firjan tem 16 escolas em todo o estado, sendo 5 na capital. Os cursos profissionalizantes capacitam para áreas do setor industrial como Mecatrônica, Edificações e Programação de Jogos Digitais.

As provas serão presenciais e acontecem em 04 de novembro. Os interessados devem se inscrever o quando antes, já que as inscrições podem ser encerradas antes do prazo final, caso o número de inscritos chegue a cinco vezes o número de vagas oferecidas.

O edital com as orientações e o formulário para inscrição estão em www.escolafirjansesi.com.br.

pt Português
X
Open chat