Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

Festival ROCK Brasil 40 anos com programação especial de shows

Foto: Reprodução
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

Os shows da Praça da Pira, na Candelária, já deixaram saudade, mas o
festival Rock Brasil 40 Anos continua, com a maior homenagem da
história do rock nacional. De 22 de novembro a 07 de março do ano que vem, o teatro do Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB Rio de Janeiro será palco de pocket shows com alguns artistas que já se apresentaram no evento e outros inéditos, com ingressos a R$ 30. Todos os protocolos sanitários exigidos pela Prefeitura do Rio de Janeiro por meio da Secretaria de Saúde e Vigilância Sanitária continuam sendo seguidos à risca para garantir a segurança do público.

A abertura, dia 22, é com o cantor Claudio Zoli. Ele vai apresentar canções próprias, como “Noite de Prazer”, “À Francesa”, “Fetiche”, além de sucessos de outros compositores, como “Acende o Farol” e “Gostava Tanto de Você”, de Tim Maia; e “Linha do Equador”, de Djavan. Ainda em novembro, dia 29, é a vez de George Israel, que se apresentou todos os fins de semana na Praça da Pira, mostrando toda a potência do rock instrumental com seu saxofone. Em dezembro, dia 13, o festival recebe mais uma vez Paulinho Moska, em um show mais intimista. No dia 27, estreando no festival, o cantor Rodrigo Santos faz um passeio pelo rock nacional com hits conhecidos na voz de outros artistas e bandas, como “Alagados” (Paralamas do Sucesso), “Brasil” (Cazuza) “Cachimbo da Paz” (Gabriel O Pensador), “Policia” (Titãs), entre outras.

Em 2022, a programação continua com o show também inédito no festival de Julia Mestre, dia 10 de janeiro, trazendo músicas autorais e  uma seleção de grandes sucessos da cantora Rita Lee, como “Caso Sério”, “Mania de Você”, “Corre Corre”, “Deculpe o Auê”, entre outros. Outro show inédito é de Marcelo Nova, marcado para 07 de fevereiro, apresentando somente músicas autorais, como “Pastor João e a Igreja Invisível” e “Eu não matei Joana D’arc”. No fim do mês, Leoni volta a dar o ar da graça, dia 21, com seus antigos sucessos com o grupo Kid Abelha e da carreira solo. E, para fechar a primeira etapa do festival na Cidade Maravilhosa, Marcelo Effe, dia 07 de março, apresenta canções próprias e parcerias como “Sol de Domingo”, com Frejat; e “Rio de Janeiro”, com Gustavo Corsi.

O festival Rock Brasil 40 anos começou no dia 06 de outubro e foi um dos grandes eventos testes da cidade pós-pandemia, reunindo cerca de 10 mil pessoas nos shows realizados na Candelária, no Centro do Rio de Janeiro. Durante quatro fins de semana, grandes nomes do rock  nacional passaram pelo palco da Praça da Pira fazendo história neste retorno da cultura carioca. Foram eles: HANOI HANOI, FERNANDA ABREU, LEONI, LEO JAIME, FREJAT, PAULINHO MOSKA, IRA, BARÃO VERMEL O, DINHO OURO PRETO,
KIKO ZAMBIANCHI, PLEBE RUDE, CAMISA DE VÊNUS, JO O PENCA, PAULO RICARDO, NENHUM DE NÓS, BIQUINI CAVADÃO, PROJETO FLAUSINO E SIDERAL CANTA CAZUZA e MARINA LIMA.

Em 2022, o festival segue para Belo Horizonte, São Paulo, volta para o Rio de Janeiro, terminando o roteiro de apresentações em Brasília (veja abaixo quadro com as datas das próximas cidades).

O Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro funciona de quarta a segunda (fecha terça), das 9h às 19h aos domingos, segundas e quartas e das 9h às 20h às quintas, sextas e sábados. A entrada do público é permitida apenas com apresentação do comprovante de vacinação contra a COVID-19 e uso de máscaras. Não é necessária a retirada de ingresso para acessar o prédio,  os ingressos para os eventos podem ser retirados previamente no site ou aplicativo Eventim ou na bilheteria do
CCBB.

O festival Rock Brasil 40 Anos tem patrocínio e apresentação da Ourocard, patrocínio da Vibra Energia, Guaraná Antarctica, do Governo do Estado do Rio de Janeiro e da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa através da Lei de Incentivo à Cultura do Rio de Janeiro e realização do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) e da Peck Produções.

PROGRAMAÇÃO POCKET SHOWS – CCBB RJ

  • 22/11 – CLAUDIO ZOLI – 19h
  • 29/11 – GEORGE ISRAEL – 19h
  • 13/12 – PAULINHO MOSKA – 19h
  • 27/12 – RODRIGO SANTOS – 19h
  • 10/01 – JULIA MESTRE – 19h
  • 07/02 – MARCELO NOVA – 19h
  • 21/02 – LEONI – 19h
  • 07/03 – HUMBERTO EFFE – 19h

    PRÓXIMAS CIDADES DO FESTIVAL ROCK BRASIL 40  ANOS

    CCBB BELO HORIZONTE: 26 de janeiro a 21 de fevereiro de 2022

    CCBB SÃO PAULO E MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA: 23 de março a 21 de
    abril de 2022

    MARINA DA GLÓRIA – RIO DE JANEIRO: 20 a 24 de abril de 2022

    CCBB BRASÍLIA: De 10 de maio a 05 de junho de 2022

SOBRE A PECK PRODUÇÕES

Fundada em 2000 pelo produtor carioca Péricles Mecenas, a Peck Produções atua no mercado de shows e eventos em todo o Brasil, se pre com a missão de proporcionar ao público e aos patrocinadores a melhor experiência em festivais de música e eventos culturais. Nos últimos anos, idealizou e produziu projetos como Oktoberfest Rio, Festival de Inverno, Circuito Brahma Sertanejo, Arena N1, Sertanejo in Rio, Baile da Santinha, entre outros, além de dezenas de shows nas maiores casas e praças de entretenimento do Rio de Janeiro. A produtora tem no currículo shows internacionais de Pop, Rock e Reggae, como Men at Work, Ben Harper, Ziggy Marley, Big Mountain e Maxi Priest. Responsável também pela produção executiva dos DVDs de grandes artistas como Djavan (2002), Gabriel O Pensador (2002), Alceu Valença (2003), Natiruts (2012).

Em 2018, a Peck Produções foi responsável pela Arena N1 na Praça Mauá RJ, para a transmissão dos jogos da Copa do Mundo, com um mega telão em alta definição, bares, food trucks e shows ao vivo após os jogos com os artistas: Jota Quest, Nando Reis, Paralamas, Ludmilla, Fernanda Abreu, Iza, Mumuzinho, Nego do Borel, entre outros. Projeto este que consolidou a sua competência, sendo convidado, em 2019, para produzir os eventos da Copa América, na Praça Mauá. A produtora trouxe para o Rio de Janeiro, em 2018, a festa tradicional alemã de Blumenau – Oktoberfest, que também teve a sua segunda edição em 2019 na Marina da Glória. Produziu também o Festival de Inverno Rio, que em agosto de 2019 chegou à terceira edição, na Marina da Glória, com três dias de shows para todos os públicos. E em 2020, teve a sua primeira edição online, transmitida pelo YouTube do festival a partir do Morro da Urca.

Durante a pandemia, a Peck Produções deu continuidade ao compromisso de entregar conteúdo de qualidade para o público, mesmo com o isolamento social na quarentena. Os eventos Energia Para Cantar, em dezembro de 2020, e Cultura nas Estações, em maio e agosto de 2021, foram realizados em parceria com a Enel Distribuição Rio e a Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, no Caminho Niemeyer, em Niterói, com transmissão no canal do YouTube da Enel Brasil.

Em 2021, idealizou o festival Rock Brasil 40 Anos, o maior festival de música do ano e primeiro grande evento-teste cultural desde que foi decretada a pandemia. Com patrocínio e apresentação da Ourocard patrocínio da Vibra Energia, do Governo do Estado do Rio de Janeiro e da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa através da Lei de Incentivo à Cultura do Rio de Janeiro e realização do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) e da Peck Produções, o festival Rock Brasil 40 Anos começou em outubro de 2021 no Rio de Janeiro, e na sequência terá edições em Belo Horizonte, São Paulo e Brasília, com uma enorme programação musical e cultural que se estende até junho de 2022. O Rock Brasil 40 Anos tem transmissão ao vivo pelo canal do YouTube do próprio festival e, na TV, tem transmissão ao vivo para todo o país pelo Canal Brasil e Globoplay.

SOBRE O CCBB

O Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro ocupa o histórico nº 66 da Rua Primeiro de Março, no centro da cidade, prédio de linhas neoclássicas que, no passado, esteve ligado às finanças e aos negócios.

No final da década de 1980, resgatando o valor simbólico e arquitetônico do prédio, o Banco do Brasil decidiu pela sua preservação ao transformá-lo em um centro cultural. O projeto de adaptação preservou o requinte das colunas, dos ornamentos, do mármore que sobe do foyer pelas escadarias e retrabalhou a cúpula sobre a rotunda.

Inaugurado em 12 de outubro de 1989, o Centro Cultural Banco do Brasil conta com mais de 30 anos de história e celebra mais de 50 milhões de visitas ao longo de sua jornada. O CCBB é um marco da revitalização do centro histórico da cidade do Rio de Janeiro e mantém uma programação plural, regular, acessível e de qualidade.  Agente fomentador da arte e da cultura brasileira segue em compromisso permanente com a formação de plateias, incentivando o público a prestigiar o novo e promovendo, também, nomes da arte mundial

O prédio possui uma área construída de 19.243m². O CCBB ocupa este espaço com diversas atrações culturais, como música, teatro, cinema e exposições. Além disso, possui Biblioteca, além de abrigar o Arquivo Histórico e o Museu Banco

SERVIÇO POCKET SHOW ROCK BRASIL 40 ANOS:

CCBB RJ

Local: Centro Cultural Banco do Brasil (Rua Primeiro de Março, 66 –
Centro)

Telefone para informações: (21) 3808-2020.

Horários: terças, às 19h.

Ingressos: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia).
Capacidade: 172 pessoas

Compras de ingresso na bilheteria do CCBB ou pelo site

pt Português
X
Open chat