Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

LETRAS EM FESTA

Foto : Divulgação
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

A Federação das Academias de Letras do Brasil – FALB, que tem por um dos mais valiosos objetivos a integração das Academias Estaduais de Letras e Artes e todas as manifestações de cultura no Território Nacional, e, ainda, visa, congregar entidades e acadêmicos das letras, no alto sentido de confraternização e intercâmbio, está em plena atividade.

A entidade, “mãe” de todas as entidades literárias do país, é das mais importantes associações em defesa da memória e da história do Brasil. Fundada em 1936 e reconhecida como de Utilidade Pública pelo Decreto Federal nº 1670, de 1937 e pela Lei Estadual nº 24, de 1960, permanece na sede à Rua Teixeira de Freitas nº 5, 3º andar, Passeio Público, Rio de Janeiro, RJ (edifício do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro).

Atualmente, está sob a administração de S.S. Conde Thiago Roberto Francisco Galenbeck Gagliardi de Menezes, membro vitalício da FALB, onde já até promoveu Sessão Solene em Homenagem às Nações e suas Colônias, Sessão Solene em Homenagem às Instituições de Proteção à Sociedade e à Cultura da Paz.

Por seus méritos e atuação na FALB, o Honorável Conde Thiago de Menezes, que detém título de nobreza europeia por família e é brasileiro nascido e de alma, foi eleito seu Membro e nomeado Delegado desta para a “Academia Paulista de Letras”.

Thiago de Menezes foi das poucas pessoas ainda em atividade no cenário cultural que conheceu e conviveu com quase todos os antigos dirigentes da FALB, como os acadêmicos Olavo Dantas, Antônio de Oliveira, Adelmy Cabral Neiva, Luís Ivani de Amorim Araújo, Antônio Arruda, Tobias Pinheiro, Agenor Ribeiro e F. Silva Nobre, Wanderley Brandão e Antônio Justa.

No início deste século, Thiago de Menezes recebeu a Medalha Duque de Caxias, patrono da FALB, que lhe foi outorgada pelo seu empenho à entidade. Dentre outras homenagens ao longo da vida acadêmica, foi agraciado também com a Medalha dos 500 anos de Brasil, recebida pela sua participação efetiva na FALB.

Este mês, o escritor, esteve no Centro Cultural Jerusalém, quando lhe foi anunciada a distribuição de exemplares da Bíblia manuscrita para instituições. Como pesquisador, pois também biógrafo, amante de História e antropologia, admirou-se da réplica da cidade de Jerusalém à época de Jesus Cristo.

A FALB e S.S. Conde Thiago de Menezes convidam todas as academias do país, em território nacional, e, correspondentes no exterior, a manterem contato, em um terno abraço para festejarmos todos a Literatura Brasileira!

pt Português
X
Open chat