Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

Rede Sem Fronteiras realiza estreia do programa Conexão Sem Fronteiras

Foto: Divulgação
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

A Rede Sem Fronteiras, presidida por Dyandreia Portugal, reestreia nesta quinta-feira, 21/04, o programa “Conexão Sem Fronteiras”. A “Equipe Dourada” receberá nesta ocasião a Dr.ª Sabrina Campos da Cunha em entrevista que acontecerá a partir das 19h do horário de Brasília com transmissão simultânea em várias plataformas digitais.

Para assistir e participar ao vivo da entrevista que irá ao ar hoje, o público deverá acessar o perfil @redesemfronteiras no Instagram, onde poderão enviar suas perguntas para serem respondidas em tempo real, interagindo com a apresentadora e a convidada.

Sabrina Campos da Cunha é advogada e atua como Juíza Arbitral profissionalmente, e, ela, que também atua como jornalista, falará especialmente sobre sua vida como escritora, compositora, letrista de músicas – que escreve inclusive em idiomas estrangeiros que domina.

Sabrina, que atualmente preside o Instituto Lutando Pela Vida, também discorrerá sobre a participação do livro “Pássaro de Chumbo”, produzido pela Ação Álvaro da Cunha, lançado na 91ª Feira do Livro de Lisboa através de Rede Sem Fronteiras, que recebeu o Presidente de Portugal em seu estande para apresentar as obras.

Neste país, “Pássaro de Chumbo” foi lançado no Rio de Janeiro na Book Fair Brasil e Feira Literária Carioca – FELICA, que aconteceram concomitantemente, e, sob a organização do Coletivo Mulheres Artistas e Instituto Internacional de Cultura Em Movimento, onde a escritora apresentou palestra e participou de mesa de debates, inclusive como Membro Imortal da Academia Brasileira de Belas Artes.

A escritora também tecerá comentários a respeito de sua participação como coautora na Coletânea “Mulheres Extraordinárias Volume 2”, Ed. Letras Graciosas, organizada pela Rede Sem Fronteiras em parceria com a Associação das Jornalistas e Escritoras do Brasil – AJEB, Coordenadoria do Rio de Janeiro.

Nesta obra, mais recente, Sabrina deixa a poetisa que é reservada a outros momentos, e, disserta sobre a Imperatriz Maria Leopoldina, em homenagem à primeira mulher Chefe de Estado nas Américas. Como ativista do Direito das Mulheres e combate à violência de gênero, Sabrina já havia escrito sobre Leopoldina antes, uma de suas referências favoritas, em especial pela atuação na Independência do Brasil.

A Coletânea “Mulheres Extraordinárias Volume 2”, ora citada, também tem participação da Dr.ª Ana Cristina Campelo de Lemos Santos, que, por sua vez, contribuiu com a trajetória da Condessa Maurina Pereira Carneiro. Ana Cristina, que também é colunista do JORNAL DR1, publicou em sua coluna sobre o vulto feminino que escolheu para honrar nesta coletânea e sua importância para a história do país. Os textos podem ser conferidos em duas partes no site deste jornal.

O “Conexão Sem Fronteiras” trará, desta vez, um grande diferencial ao público: intérprete de Libras. A proposta tem sido festejada pela convidada de reestreia, pois Sabrina Campos da Cunha é idealizadora do Projeto Paulo, correspondente a ações para pessoas com deficiência e a preservação de sua dignidade através de acessibilidade e inclusão social, também do Instituto Lutando Pela Vida. Aproveite a entrevista, participe e faça a sua voz ser ouvida!

 

pt Português
X
Open chat