Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

Federação das Academias de Letras e Artes de São Paulo realiza homenagem aos profissionais de comunicação

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

A Federação das Academias de Letras e Artes do Estado de São Paulo (FALASP) realizou na última sexta-feira (6), no Auditório da Federação das Academias de Letras do Brasil, uma cerimônia com o objetivo de homenagear representantes do meio da comunicação, em prol dos 18 anos da sua existência.

O evento também comemorou a reabertura das atividades da Federação  das Academias de Letras no Brasil (FALB).

O evento contou com a entrega do Diploma Mérito Jornalista Assis Chateaubriand aos representantes do meio de comunicação.

Francisco de Assis Chateaubriand Bandeira de Mello, mais conhecido como Assis Chateaubriand ou Chatô foi um jornalista, escritor, advogado, professor de direito. Destacou-se como um dos homens públicos mais influentes do Brasil entre as décadas de 1940 e 1960. Era membro da Academia Brasileira de Letras.

Francisco de Assis Chateaubriand Bandeira de Mello faleceu em pleno ato de viver, mas suas ideias e obras continuam vivas, algumas nas memórias, e outras no dia a dia de todos.

O Conde Thiago de Menezes contou sobre a importância do evento.

“O evento de hoje foi dedicado ao estado da Paraíba, em referência à memória do brasileiro, jornalista Assis Chateaubriand. Então, o respaldar das homenagens e referências, nós levantamos figuras ilustres da Paraíba e da cena brasileira”, explicou  o conde Thiago de Menezes.

“A FALASP criada dentro da FALB, ela tem acima de congregar entidades e acadêmicos, ela promove a verdadeira política do reconhecimento”, contou o conde.

Desde 2017, A CEO do Jornal DR1 Ana Cristina Campelo faz parte da FALASP.

“Com muita alegria nós participamos da reativação da FALB, capitaneada por nosso amigo, jornalista, escritor, conde Thiago de Menezes. Acho que todos que estavam aqui presente ficaram felizes com a atividade, é um nova época, uma nova data, um novo início que temos pela frente. Ou seja, muito serviço é muito trabalho a fazer. Mas, a cultura é necessária, e nós estamos aqui pra somar”, afirmou a CEO do Jornal DR1 Ana Cristina Campelo.

Criado em 2005, o diploma é o primeiro elemento da Ordem do Mérito Jornalista Assis Chateaubriand, cuja Medalha está cadastrada sob o Código B40 da Relação de Cadastros da FALASP no DGP/Departamento Geral do Pessoal (Medalhas e Condecorações Oficiais da FALASP incluídas no Cadastro do Sistema de Pessoal e publicadas no Almanaque do Pessoal do Exército Brasileiro).

Homenagearam personalidades presentes ligadas à comunicação: Antônia de Aquino, Carlos Augusto Aguiar, Pastor David Antunes,  Marynês Meirelles e Paulo Martinelli.

“Estou me sentindo muito honrado com essa homenagem. É um prazer estar aqui. Esse prêmio é do Sated/RJ e de todos artistas do país”, contou Paulo Martinelli.

“Me senti muito honrada e surpresa ao receber essa homenagem. Agradeço por essa homenagem e por conhecer um pouco mais da história de Assis Chateaubriand”, contou a jornalista Antônia de Aquino.

“É um honra receber essa homenagem, e é um grande prazer fazer parte do jornal DR1”, disse o jornalista David Antunes.

“Fiquei surpreso com essa homenagem, e é muito emocionante conhecer um pouco mais da história desse herói que é o Assis Chateaubriand. Me sinto honrado por receber esse diploma que reverencia Assis Chateaubriand”, disse o jornalista Carlos Augusto Aguiar.

“Estou muito feliz e honrada por receber essa homenagem. É muito emocionante conhecer a história de Assis Chateaubriand”, disse a jornalista Marynês Meirelles.

pt Português
X
Open chat