Categorias
Cidade Destaque Eventos Fica a Dica Livro Rio

Riocentro recebe vigésima edição da Bienal do Livro

A vigésima edição do evento Bienal do Livro iniciou nesta sexta-feira (3). Livros, palestras, painéis e debates estão ocupando dois pavilhões e as áreas externas do Riocentro, localizado na Barra da Tijuca.

Devido à pandemia da covid-19, a Bienal sofreu algumas alterações nesta edição. A expectativa é receber um público de 300 mil pessoas durante os dez dias de evento, ou seja, metade do registrado em 2019, na última edição.

A utilização de máscaras será obrigatória, bem como a apresentação de comprovante de vacinação para pessoas com mais de 12 anos. Além da visitação em dois turnos, totens com álcool em gel estão espalhados pelo Riocentro, e avenidas internas foram ampliadas para aumentar o distanciamento entre os visitantes.

Na lista de autores convidados estão: Valter Hugo Mãe, a escritora argentina e especialista em literatura fantástica Mariana Enriquez, os americanos Matt Ruff, Beverly Jenkins, Julia Quinn e Josh Mallerman e talvez o maior nome dos mangás de horror, Junjo Ito.

Como representantes da literatura nacional estarão no evento Raphael Montes, Nei Lopes, Thalita Rebouças, Luiz Antônio Simas, Tati Bernardi, Conceição Evaristo, Itamar Vieira e Eliane Brum.

No total, 160 expositores irão ocupar um espaço de 100 mil metros quadrados, metade dessa área será montada nas partes externas do Riocentro.

A vigésima edição da Bienal do Livro do Rio será realizada entre os dias três e 12 de dezembro.

Os ingressos estão custando R$ 40 inteira, e R$ 20 meia, e podem ser comprados no site do evento. Como também, estão sendo vendidos no local em dois turnos: das 9h às 15h30 e das 15h30 às 21h ou 22h (dependendo do horário de encerramento de cada dia).

Dias e horários:

Sexta (3): das 9h às 22h;

Sábado (4): das 10h às 22h;

Domingo (5): das 10h às 22h;

Segunda-feira (6): das 9h às 21h;

Terça-feira (7): das 9h às 21h;

Quarta-feira (8): das 9h às 21h;

Quinta-feira (9): das 9h às 21h;

Sexta-feira (10): das 9h às 22h;

Sábado (11): das 10h às 22h;

Domingo (12): das 10h às 22h.

 

Fonte: G1

 

 

Categorias
Aconteceu Cidade Destaque Rio

Experiência de Niterói no combate à Covid-19 é destaque em evento internacional

A experiência da Prefeitura de Niterói no combate à Covid-19 foi apresentada, nesta terça-feira (05), no Smart City Expo Latam Congress 2021. O prefeito de Niterói, Axel Grael, participou virtualmente do congresso internacional, realizado na cidade de Mérida, no México. O evento é organizado pela instituição Fira de Barcelona em colaboração com a ONU Habitat. 

Axel Grael participou da sessão “Como lidar com os efeitos da pandemia para garantir um ressurgimento social”, que contou também com Pablo Lemus Navarro, prefeito de Guadalajara, e com Elkin Velásquez, representante da ONU- Habitat.

Durante sua apresentação, o prefeito lembrou que em 2020 Niterói foi a única cidade do Brasil a receber o reconhecimento da Smart City Latam pela atuação para deter o avanço da Covid-19. O chefe do Executivo destacou as ações implementadas na cidade, reconhecida como referência no combate aos efeitos da Covid-19.  

“A Prefeitura de Niterói já ultrapassou R$ 1 bilhão em investimentos para mitigar os impactos da pandemia na cidade. Desde abril de 2020, o município ampliou a retaguarda de saúde e, ao mesmo tempo, criou programas para dar suporte financeiro às famílias mais necessitadas na cidade, aos trabalhadores e também as micro e pequenas empresas. Fomos um dos pioneiros com a sanitização de ruas e abrimos um hospital exclusivo de atendimento à Covid-19”, enfatizou.

Categorias
Ação Solidária Aconteceu Brasil Cidade Destaque Fazendo a Diferença Rio

A arte e educação unidas para um futuro melhor

Coragem, garra e muita persistência foram os ingredientes que Eliete Gomes usou para tirar do papel o seu grande sonho: montar um atelier que unisse arte e educação.  E assim surgiu o Atelier Social Ecoar das Artes Eliete Gomes. “Me emociono muito de falar do atelier, porque no início foi muito difícil, um trabalho de formiguinha. Éramos eu, meu filho e alguns professores voluntários, não tínhamos patrocínio e pouco dinheiro para investir. Levei muitos nãos, mas sempre acreditei e deu certo”, revela Eliete.

 

Professora, pedagoga, mestre em artes visuais e acadêmica da Academia Brasileira de Belas Artes, Eliete Gomes, que trabalhou por 40 anos na rede pública de ensino, sempre sentiu a carência que os alunos tinham em aprender.  “O Atelier é um espaço de aprendizado e de convivência social. Eles aprendem muitos valores aqui. Sou muito feliz convivendo com as crianças e adolescentes e tendo a oportunidade de ensinar tudo que aprendi”.

Fundado há 12 anos, em Santa Cruz, zona oeste do Rio de Janeiro, o Ecoar tem como objetivo principal assistir crianças e adolescentes que, além das artes, aprendem a resgatar a autoestima, a cidadania e os projetos sociais. E por meio do projeto Educarte, são atendidas uma média de 50 crianças e adolescentes de 08 à 15 anos de idade, estudantes da rede pública de ensino e moradores do bairro.  No atelier, além do reforço escolar, os alunos aprendem artes visuais, que são vistas das mais diversas formas como pintura em tela, desenho livre, biscuit, argila, sucata. Os trabalhos feitos no atelier são mostrados em exposições de artes gratuitas para a comunidade. Algumas telas também são levadas para exposições em outros países.

Com o patrocínio da Ternium, atualmente os alunos do Ecoar das Artes estão trabalhando à exposição O Romantismo no Brasil pelo Olhar de uma Criança. “No Projeto Educarte, além de estudar as características do romantismo, os alunos estudaram os autores desse movimento, conhecendo suas poesias e escrevendo poesias próprias com base nas dos autores estudados, como: Castro Alves, José Alencar, Gonçalves Dias, Alvares de Azevedo, Casimiro de Abreu e Gonçalves Magalhães.

Categorias
Aconteceu Cidade Destaque Meio Ambiente Rio

Praia do Sossego, em Niterói, ganha Bandeira Azul

 

Considerada um dos cartões postais de Niterói, a Praia do Sossego, que está localizada entre Piratininga e Camboinhas, é a primeira praia da cidade a receber o certificado internacional de sustentabilidade Bandeira Azul.

O prêmio é para praias, marinas ou embarcações que unam qualidade, beleza e preservação ambiental e do ecossistema como um todo.   O certificado internacional é um programa credenciado pelas Organizações das Nações Unidas (ONU) e pela Unesco.

O prefeito de Niterói, Axel Grael, comemorou a premiação e revelou que é muito importante para o crescimento do turismo na cidade. “Essa é a maior premiação global dedicada à gestão de praias, marinas e embarcações de turismo! A Bandeira Azul é o reconhecimento de que uma das mais belas áreas de Niterói também tem gestão ambiental e possui o selo dentre as melhores do Brasil. Isso é uma forma de atrair o turismo, sobretudo na retomada econômica. Queremos promover o turismo consciente e sustentável e seguimos trabalhando para adequar cada vez mais o manejo da região para garantir que a Praia do Sossego siga sempre preservada”. 

 

 

Categorias
Cidade Destaque Diário do Rio

Estagiários do Tribunal de Justiça reivindicam reajuste do auxílio transporte

*Por Giovanna Fraguito

Uma comissão de estagiários do Tribunal de Justiça do Rio reivindica o reajuste do auxílio transporte, que atualmente equivale a apenas R$5,64 por dia.

Segundo um representante: “Todos os outros órgãos de igual importância como a Defensoria e o Ministério Público oferecem auxílios dignos a seus estagiários (O MP, por exemplo, oferece 10 reais por dia trabalhado)”.

A comissão conseguiu uma Indicação Legislativa de n° 6262/2020 com a assinatura de 22 deputados estaduais para que fosse enviado ofício ao presidente do TJ explicando a situação e requerendo o reajuste.

De acordo com a Indicação: “Não é raro os estagiários comprometerem mais de R$14,00 de sua própria bolsa, todo dia, para exercer suas atividades. Considerando que a bolsa auferida pelos estagiários do Tribunal de Justiça é de R$706,00 mensais, isso significa reduzir quase pela metade o valor recebido”.

O valor solicitado é de R$11,60 e o grupo já angariou a assinatura de mais de 3.000 pessoas em uma petição online que pode ser acessada através do seguinte link:https://chng.it/SyRLDW54

Categorias
Cidade Destaque Diário do Rio Saúde

Decreto torna obrigatória a vacinação contra a Covid-19 de servidores municipais

Por Prefeitura do Rio de Janeiro

Em decreto publicado na edição do Diário Oficial do Município desta quarta-feira (18/08), o prefeito Eduardo Paes determina que a vacinação contra a Covid-19 é obrigatória para todos os servidores e empregados públicos municipais, assim como para os prestadores de serviços contratados pelos órgãos e entidades da Administração Pública Municipal, direta e indireta. De acordo com o texto, a recusa, sem justa causa, em submeter-se à vacinação caracteriza falta disciplinar, passível das sanções dispostas na Lei nº 94, de 14 de março de 1979 e no Decreto-lei n° 5.452, de 1º de maio de 1943.

A Subsecretaria de Gente e Gestão Compartilhada, da Secretaria Municipal de Fazenda e Planejamento, editará normas complementares para execução das disposições do decreto nº 49.286.

Categorias
Cidade Cultura Destaque Diário do Rio

Rock in Rio anuncia primeiro line-up do Palco Mundo

*Por Giovanna Fraguito

Justin Bieber e Demi Lovato foram os nomes anunciados essa semana para o Rock in Rio 2022, eles irão dividir o Palco Mundo na noite de 4 de setembro.

O headliner Justin Bieber está no topo das paradas no Spotify, é o artista mais jovem da história a atingir 100 entradas no Top 100 da Billboard e já acumula mais de 300 premiações na sua carreira, entre elas Grammy Awards, Billboard Music Awards, American Music Awards, Brit Awards e muitos outros.

Já Demi Lovato traz a turnê do álbum que marcou o seu retorno definitivo à música, e que também foi muito bem recebido pela crítica.

“Justice” e “Dancing with the devil… The art of starting over” são os novos álbuns de Bieber e Demi, mas, com certeza, os setlists vêm com hits que marcaram a história deles e de todos os fãs.

Segundo informações do site O Globo, os organizadores do evento realizaram uma ampla pesquisa para descobrir quais artistas o público gostaria de ver na próximo festival.

“Nas pesquisas que fizemos com o público do Rock in Rio, Justin Bieber figura no top 3 dos artistas mais pedidos. Se você olhar a lista de mais tocadas do Spotify hoje, ele tem a música mais ouvida no mundo e é um artista cada vez mais plural, supertransversal do ponto de vista musical”, explicou o CEO do evento, Luís Justo.

Em 2022 o evento está marcado para os dias 2, 3, 4, 8, 9, 10 e 11 de setembro no Parque Olímpico da Barra.

Vale lembrar que as atrações anunciadas para 2021, ano que o evento foi cancelado devido à pandemia, não estão confirmadas. Incluindo o “Dia do Metal”, com Iron Maiden, Megadeth, Dream Theater e Sepultura não está confirmado para 2022. Caso mantidos, os shows ainda serão anunciados oficialmente.

 

Categorias
Brasil Cidade Notícias Rio Social

MPRJ recorre de sentença de envolvidos no caso Marielle

Vereadora Marielle Franco foi morta em 2018 (Foto: Reprodução/Youtube)

Da Agência Brasil

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) recorreu da sentença do caso Marielle Franco e Anderson Gomes contra o sargento reformado da PM Ronnie Lessa e outros quatro denunciados por obstrução das investigações. A finalidade do recurso é aumentar as penas e modificar os regimes de cumprimento de prisão estabelecidos pela Justiça.

Elaine Pereira Lessa, Bruno Pereira Figueiredo, José Márcio Mantovano, vulgo Márcio Gordo, e Josinaldo Lucas Freiras, vulgo Djaca, foram condenados pelo Juízo da 19ª Vara Criminal da Capital a quatro anos de prisão, em regime inicial aberto, com a substituição do cárcere por medidas restritivas de direitos (prestação de serviço à comunidade e limitação de final de semana). Contra Ronnie Lessa, foi imposta prisão de quatro anos e seis meses de reclusão, em regime inicialmente fechado.

Categorias
Cidade Destaque Notícias Polícia Política

MP cria força-tarefa para apurar maus-tratos a jovens infratores no RJ

Da Agência Brasil

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) criou uma força-tarefa para investigar maus-tratos cometidos contra jovens infratores em unidades do Departamento Geral de Ações Socioeducativas do estado (Degase). O grupo foi criado depois de denúncias de que internas teriam sofrido abusos sexuais cometidos por agentes do Degase.

O MPRJ informou que, além deste caso, tem recebido, nos últimos anos, notícias de violência institucional ocorrida dentro das unidades socioeducativas, onde são internados os adolescentes em conflito com a lei. Um grande problema enfrentado pelas fiscalizações é a falta de dados disponíveis para consulta e de indicadores de monitoramento relativos à violência.

A força-tarefa é formada por três promotoras de Justiça e tem um prazo de duração inicial de quatro meses. A ideia é que, ao fim deste período, possa ser adotado, junto com o estado do Rio regras e normas para a gestão dessas unidades.

Por meio de nota, o Degase informou que trabalha de forma integrada com o MPRJ e que está “dando todo o suporte para as ações relacionadas às denúncias”.

Categorias
Brasil Cidade Cultura Destaque Diário do Rio Rio Turismo

Planetário do Rio inaugura exposição “Do Gênese ao Apocalipse” e passa a abrir para o público durante a semana

A Fundação Planetário do Rio inaugura, no próximo sábado, dia 03 de julho, a exposição: “Da Gênese ao Apocalipse”, que apresenta 38 meteoritos no Museu do Universo, que integra o Planetário. O conjunto conta com parte da coleção do Museu Nacional / UFRJ, entre eles o meteorito Santa Luzia, o segundo maior já encontrado no país.

O evento marca também o reinício das atividades do Planetário e Museu do Universo durante a semana, que passam a abrir de *terça a domingo para visitas e sessões de cúpula, com gratuidade para o público em geral todas as terças-feiras. A Fundação Planetário é ligada à Secretaria de Governo e Integridade Pública (SEGOVI) da Prefeitura do Rio de Janeiro.

A exposição será aberta por um evento especial: a primeira edição do “Papo com o Extraterrestre”, ciclo de encontros mensais sobre astronomia e meteorítica, a ser realizado na manhã do primeiro sábado de cada mês. O evento conta com as “Meteoríticas”, time de mulheres cientistas que desenvolve pesquisas e realiza atividades de campo, viajando pelo país caçando esses objetos extraterrestres. Maria Elizabeth Zucolotto, curadora do Museu Nacional e maior autoridade em meteoritos no Brasil, é a líder da equipe, que ainda conta com a química Amanda Tosi e a astrônoma Diana Andrade.

“Da Gênese ao Apocalipse”

Gledson Machado, presidente da Fundação Planetário, ressalta a importância de oferecer o acesso a esse acervo, resgatado do trágico incêndio do Museu Nacional, em 2018. “É a chance de tocar e conhecer objetos extraterrestres mais antigos que a própria Terra. Essa exposição é mais um motivo para o carioca vivenciar a experiência Planetário”, afirma Gledson

Leandro Guedes, diretor da Astronomia da Fundação Planetário, explica o nome da exposição: “A ‘Gênese’ é uma alusão ao fato de os meteoritos carregarem, em sua química, informações primordiais sobre a formação do sistema solar, muito parecida com a que havia na nebulosa que deu origem aos planetas. E o ‘Apocalipse’ lembra a relação entre asteroides e grandes extinções, como a dos dinossauros”.

As Meteoríticas e os meteoritos

Maria Elizabeth Zucolotto, Amanda Araújo Tosi e Diana Paula de Pinho Andrade estão juntas como grupo organizado há quatro anos e, além de conduzirem suas pesquisas e aulas na UFRJ, trabalham na caça, pesquisa e divulgação de meteoritos pelo país.

O trio esteve em missão de campo durante o mês de junho, no Sul do país. No Paraná, investigaram a queda do meteorito de Rio Negro, que tem seus fragmentos preservados no Observatório do Vaticano. Na ilha de São Francisco do Sul, Santa Catarina, usaram mapas centenários para investigar o local do achado do meteorito Santa Catharina, um famoso episódio da astronomia brasileira.

“Ele foi vendido como uma mina de níquel para a Inglaterra no século XIX e virou trilho de trem. Porém, o Museu Nacional/UFRJ ainda possui um fragmento do meteorito metálico Santa Catharina no seu acervo”, relata Elizabeth Zucolloto.

O “Papo com o Extraterrestre” está marcado para as 09h do sábado, dia 03 de julho, no Parque do Planetário (área externa), em volta do meteorito Santa Luzia. O Planetário fica na rua Vice-Governador Rubens Berardo, 100, Gávea.