Categorias
Destaque Doação Doação de sangue Notícias Rio Saúde

Secretaria Municipal de Educação lança Projeto Rio Sangue Bom

Na manhã desta segunda-feira (21/03) foi lançado o projeto Rio Sangue Bom, com a presença do Secretário de Educação do Rio de Janeiro, Renan Ferreirinha. O objetivo é trabalhar a conscientização sobre importância de ser um doador de sangue. A cada mês, a ação acontecerá um uma Coordenadoria Regional de Educação.

Até o final deste mês (março), as unidades escolares da 1ª, 7ª e 11ª Coordenadorias Regionais de Educação serão contempladas. O projeto engloba palestras educativas que abordam a importância do gesto solidário de doar sangue e ajudar a salvar vidas para os responsáveis dos alunos. Para participar, é necessário fazer o cadastro na secretaria da unidade escolar.

O Serum Banco de Sangue, que atende mais de 100 unidades hospitalares no Rio de Janeiro, é o responsável pela coleta de sangue. Com dois polos, Barra da Tijuca e Centro, o Serum faz a pré-triagem dos inscritos e, também, a marcação das datas para doação, além de fornecer o transporte da unidade escolar até o polo de coleta.

“O ato de doar sangue é voluntário e de amor ao próximo, ajuda a salvar vidas. É muito importante ter a comunidade escolar envolvida. Temos 1.543 unidades e esperamos ter muitos voluntários para essa ação, por isso, seguimos até o final do ano com o nosso projeto”, explica o Secretário Municipal de Educação, Renan Ferreirinha.

O volume coletado é de aproximadamente 450 ml (padrão internacional), o que representa uma fração muito pequena do total de sangue de um adulto. Para doar sangue é preciso ter idade entre 16 – acompanhando do responsável- e 60 anos, estar em boas condições de saúde e ter peso mínimo de 50 Kg. Não podem doar sangue diabéticos que façam uso de insulina, pessoas que tiveram doença de chagas ou Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST).

Categorias
Destaque Doação de sangue Notícias Rio Saúde

Shopping e Hemorio promovem campanha de doação de sangue

Nesta quinta-feira, dia 24 de fevereiro, o Carioca Shopping vai promover campanha de doação de sangue em parceria com o Hemorio, com o intuito de contribuir com o banco de sangue que abastece o Estado do Rio de Janeiro em período que antecede o feriado, quando, normalmente, há queda de 20% nas doações. O Hemorio é uma das principais unidades que atendem a Região Serrana do Rio de Janeiro e, por isso, é indispensável que os estoques estejam abastecidos para dar suporte às vítimas da tragédia em Petrópolis e nas áreas próximas.

Para a ação, uma equipe do Hemorio vai receber os doadores voluntários, das 10h às 15h, no segundo piso, próximo ao espaço Casa Carioca. O atendimento será realizado por ordem de chegada, seguindo todos os protocolos de segurança. A coleta de sangue é rápida e segura e todo o material utilizado é estéril e descartável.

Foto: Divulgação

Para ser doador é preciso apresentar um documento de identidade original com foto (identidade, carteira de trabalho, certificado de reservista ou carteira do conselho profissional), estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos e pesar, no mínimo, 50kg. O doador não pode estar em jejum, deve ter dormido pelo menos 6h na noite anterior e deve evitar a ingestão de alimentos gordurosos nas 3 horas que antecederem a doação e de bebida alcoólica nas 12 horas anteriores. Menores de idade (16 e 17 anos) podem doar com acompanhamento dos pais ou responsáveis legais.

Algumas situações impedem provisoriamente a doação de sangue: Febre – acima de 37°C; Gripe ou resfriado; Gravidez atual (90 dias após o parto normal e 180 dias após a cesariana); Amamentação (até 1 ano após o parto); Uso de alguns medicamentos; Anemia; Cirurgias; Extração dentária nos últimos 7 dias; Tatuagem ou piercing – 01 ano sem doar; Vacinação – o tempo de impedimento varia de acordo com o tipo de vacinar; Transfusão de sangue – impedimento por 01 ano. Quem tomou vacinas contra a Covid: Coronavac – só pode doar após 48h; Astrazeneca/Pfizer/Janssen – após 7 dias. O Hemorio orienta que quem testou positivo para o Covid-19 aguarde 10 dias após o desaparecimento dos sintomas para realizar a doação de sangue.

Mais esclarecimentos serão fornecidos durante a entrevista clínica que precede a doação. Quem tiver dúvida se pode ou não ser doador, pode ligar gratuitamente para o Disque Sangue (0800-2820708).

 

Carioca Shopping – Campanha de doação de sangue em parceria com o Hemorio

Local: Carioca Shopping – Av. Vicente de Carvalho, 909 – Vila da Penha – 2º piso, próximo ao espaço Casa Carioca

Data: 24 de fevereiro, quinta-feira

Horário: das 10h às 15h

Categorias
Destaque Doação de sangue Notícias Rio Saúde

Com baixo estoque, INTO reforça pedido de doação de sangue

O Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (INTO), do Ministério da Saúde, faz um alerta à população sobre a baixa nos estoques de sangue do hospital.

Desde o período de festas no final do ano e com o aumento dos casos de covid-19, o Hemointo – banco de sangue do Instituto – vem registrando um comparecimento de doadores bem abaixo da meta necessária para atender às cirurgias de alta complexidade realizadas no INTO.

A doação de sangue pode ser feita por pessoas que tenham de 16 a 69 anos de idade, que pesem mais de 50 quilos e apresentem bom estado de saúde. O doador deve portar um documento original de identidade e não pode estar em jejum. Jovens de 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais por meio de formulário próprio do Hemointo.

Para doar, não é necessário realizar agendamento prévio. O Instituto oferece transporte gratuito para doações feitas em grupos e marcadas com a equipe de captação.

Atualmente, o Hemointo funciona às segundas, quartas e sextas-feiras, das 8h às 17h (exceto feriados), na sede do Into, na Avenida Brasil, 500, 1º andar, no bairro de São Cristóvão.

Covid-19:

– Doadores que tiveram a doença ficam inaptos por 30 dias após a cura.

– Doadores que desenvolveram a forma grave da doença, ficam inaptos por um ano.

-Em caso de contato em domicílio ou de outra forma com casos suspeitos ou confirmados, os doadores ficam inaptos por 14 dias após a cessação de contato com a pessoa.

-Doadores que retornaram de viagens internacionais vindo de qualquer país ficam inaptos por 14 dias.

– Doadores vacinados com a Coronavac, da Sinovac/Butantan, ficam sem doar por 48h após cada dose.

– Doadores vacinados com a Oxford, da AstraZeneca/Fiocruz, ficam sem doar por sete dias após cada dose.

Categorias
Brasil Destaque Doação de sangue Notícias Saúde

Para recuperar estoques, Xuxa e Sasha lançam campanha nacional de doação de sangue

Na semana do Dia Nacional do Doador de Sangue, Xuxa e Sasha lançam uma campanha para ajudar a recuperar os estoques dos hemocentros de todo o país, que sofreram uma redução acentuada em seus níveis durante a pandemia. A campanha conta com o apoio da Fundação Pró-Sangue em São Paulo e de diversos outros hemocentros por todo o país.

Segundo o Ministério da Saúde, a redução nos estoques superou os 20% nos bancos, chegando a ameaçar a realização de cirurgias e transfusões nos momentos mais graves.

A campanha ‘Sangue do Meu Sangue’, criada pela BETC HAVAS, em parceria com a Sthorm, une mãe e filha pela primeira vez em uma ação de comunicação, com o propósito de incentivar a doação de sangue voluntária, reforçando que laços sanguíneos vão muito além de árvores genealógicas e biologia, e destacam que quando se compartilha o mesmo tipo sanguíneo, as pessoas são do mesmo sangue.

O vídeo da campanha mostra diversos personagens, de universos que parecem completamente distintos, mas que têm o mesmo tipo de sangue correndo nas veias. Por isso, sob uma ótica diferente, Xuxa e Sasha mostram que ‘quando você descobre que tem mais gente que é sangue do seu sangue, sua família fica maior do que você imagina’.

Durante o período de veiculação da campanha, artistas doadores de sangue serão convidados a colocar em seus perfis, no Instagram, o emoji de sangue com seu tipo sanguíneo para mostrar que participam da ‘Liga Sangue do meu Sangue’, motivando mais pessoas à prática que salva milhares de vidas.

De acordo com o presidente da Fundação Pró-Sangue, professor Vanderson Rocha, o conceito da campanha é bem oportuno nos atuais tempos em que vivemos, quando se torna essencial a consciência do cuidar da saúde e da segurança do próximo.

“A pandemia imprimiu um novo sentido à vida, mostrando que, mesmo distantes, as pessoas estão conectadas de alguma forma entre si. E a doação de sangue amplia bem o sentido de conexão humana, na medida em que o sangue é um elemento que une as pessoas, à semelhança dos laços biológicos”, afirmou o professor Vanderson.

Para doar sangue o candidato deve fazer o agendamento no site da Pró-Sangue e verificar os requisitos básicos para doação, sendo os principais: estar em boas condições de saúde e alimentada, ter entre 16 e 69 anos (para menores de idade, consultar site da Pró-Sangue), pesar mais de 50 kg e levar documento de identidade original com foto recente, que permita a identificação do candidato.

Categorias
Ação Solidária Destaque Doação de sangue Notícias Rio

Bangu Shopping promove campanha de doação de sangue com Hemocentro Itinerante

Ação solidária será realizada ao longo da semana em parceria com o SAS Brasil

Nos últimos meses, os estoques dos bancos de sangue no país chegaram a um nível preocupante com a queda expressiva no número

Foto : Divulgação

de doadores durante a pandemia. Segundo o Ministério da Saúde, anteriormente apenas 1,6% do total da população brasileira – o equivalente a cerca de 3,5 milhões de pessoas – doava sangue, quando o número ideal, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS,) seria de 5%. Agora, esse percentual caiu ainda mais.

Para apoiar a causa, o Bangu Shopping vai promover, de 13 a 17 de setembro (segunda a sexta), campanha de Doação de Sangue em parceria com o Hemocentro Itinerante, iniciativa do SAS Brasil, organização social sem fins lucrativos, que atua levando saúde especializada e de qualidade a quem mais precisa. Durante cinco dias, o estacionamento do shopping vai receber uma carreta transformada em banco de sangue, totalmente preparada para receber os doadores seguindo todas as normas de segurança sanitária vigentes durante a pandemia.

A carreta passará por várias cidades do Brasil e temos orgulho de receber no Bangu Shopping uma ação tão especial e importante para a sociedade. Em um momento em que os bancos de sangue estão precisando de doadores, precisamos nos unir e incentivar essa ação solidária, contribuindo para a reposição imediata dos estoques dos hemocentros. Contamos com a solidariedade do nosso público – diz Monica Freitas, gerente de marketing do Bangu Shopping.

Para doar, os interessados devem realizar agendamento pelo link. Os atendimentos serão realizados das 10h às 18h (finalizando 18h30), sendo 4 pessoas a cada 30 minutos, seguindo todos os protocolos de segurança. Para ser doador é preciso apresentar um documento de identidade original com foto (identidade, carteira de trabalho, carteira de habilitação, certificado de reservista ou carteira do conselho profissional), estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos e pesar, no mínimo, 50kg. O doador não pode estar em jejum, e deve ter dormido pelo menos 6h na noite anterior. Importante evitar alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação e respeitar o prazo de 12 horas para o caso de ingestão de bebidas alcoólicas. Se estiver com sintomas de gripe ou resfriado, ou tiver tomado vacina recentemente, não deve doar temporariamente.

Para nós, é importante manter-nos fiéis à nossa missão, fazendo com que nossa carreta esteja em uso neste momento de pandemia para um propósito tão nobre como a doação de sangue – destaca a médica Adriana Mallet, coordenadora de Saúde do SAS Brasil.

A campanha Hemocentro Itinerante conta com o patrocínio do Grupo DPSP (Drogaria São Paulo e Pacheco) e apoio do Grupo Hum.

 

Campanha de Doação de Sangue – Hemocentro Itinerante

Local:  Bangu Shopping- Rua Fonseca, 240 (carreta estacionada próximo a Leroy Merlin)

Data: de 13 a 17 de setembro, segunda a sexta

Horário: das 10h às 18h