Categorias
Brasileiro com muito Orgulho Notícias do Jornal

Zagallo: uma lenda brasileira

 

Por Luhan Alves (Com supervisão de Claudia Mastrange)

Se tem um brasileiro que deu muito orgulho para o povo brasileiro esse foi Mário Jorge Lobo Zagallo. Ex-futebolista e técnico, Zagallo fez história no futebol e marcou seu nome como um dos maiores no esporte. Ele detém o recorde de títulos das Copas do Mundo em geral, sendo duas como jogador (1958 e 1962), uma como treinador (1970) e outro como coordenador técnico (1994).

Zagallo nasceu em Atalaia, Alagoas, no dia 9 de agosto de 1931. A carreira do Velho Lobo começou em 1948, no juvenil do América Futebol Clube. Vestindo a camisa 10, jogou os torneios de 1948 e 1949, quando se transferiu para o Flamengo. E em 1950, passou a integrar as categorias de base do rubro-negro carioca.

Pelo Fla, foi tricampeão carioca em 1953, 1954 e 1955.  Em 1958 foi para o Botafogo, onde conquistou o bicampeonato carioca em 1961 e 1962 e jogou ao lado de grandes nomes do futebol, como Nilton Santos, Garrincha e Didi.

Foi convocado para a Seleção Brasileira e disputou a Copa do Mundo na Suécia, em 1958, vencida pelo Brasil em 29 de junho de 1958, na final contra a anfitriã, a Suécia. Em 1962, na Copa do Mundo no Chile, mais uma vez integrou a equipe que junto com muitos outros jogadores da Copa de 1958, conquistou o bicampeonato brasileiro.

Em 1970, faltando dois meses para a Copa do México, Zagallo foi convidado para ser o treinador da Seleção Brasileira, substituindo João Saldanha, que tinha dirigido o Brasil nas eliminatórias. Na final, o Brasil derrotou a Itália por 4 x 1, com uma equipe considerada por muitos como a melhor de todos os tempos.

Em 1991, Zagallo foi convidado pelo técnico Carlos Alberto Parreira para ser o coordenador técnico da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo que seria realizada nos Estados Unidos em 1994, onde o Brasil conquistou o tetracampeonato.

O número 13 esteve sempre presente na vida de Zagallo. Ele revelou que deve essa obsessão à sua mulher que era devota de Santo Antônio, comemorado no dia 13 de junho. Seu casamento com a professora Alcina foi realizado no dia 13 de janeiro de 1955.

Leia Também: Zagallo é vacinado contra a Covid-19 aos 89 anos no Rio