Categorias
Cultura Rio

Websérie lgbtqi+ “Filhos do Arco-íris” inicia suas gravações em Março

 

Filhos do arco iris é uma websérie com 10 episódios que após finalizadas suas gravações, ficará com exibição disponível na plataforma do YouTube, no canal próprio e de mesmo nome.

A proposta da websérie é a conscientização da população, abrangendo diversos temas pontuais e de grande discussão na sociedade, dentre eles: Racismo, Violência contra a mulher, Aids, Pedofilia e intolerância contra homossexuais.

“Conheceremos uma mulher entre tantas no mundo vivendo um relacionamento abusivo,buscando forças pra se libertar dessa relação; conheceremos outra mulher batalhadora, que criou o filho adolescente sozinha, fruto de um relacionamento no passado, e que vive sendo portadora do vírus que carrega tanta polêmica em seu nome. Teremos um marido violento, que espanca sua companheira e alimenta uma fixação pela filha adolescente de sua esposa e muito mais. Um dos temas principais é a intolerância e preconceito velado contra homossexuais. Ainda em 2021 temos pessoas que  não aceitam que o amor é universal, independente de gênero e sexo. Nossos personagens não buscam serem aceitos, e sim buscam respeito vivendo nesse mundo de preconceito e homofobia, onde milhares de gays e travestis são mortos diariamente, contrastando com a nossa própria realidade.” – comenta Jayro Said, roteirista da Websérie.

Ficha Técnica:

Direção: Tales Figueiredo
Assistente de direção: Lucas Carvalho
Produção: Miguel Freitaz
Produção de arte: Marcos Alpha

No elenco : Jayro Said, Rodrigo Bahiano, Matheus Jardim, Virgínia Vitoriosa, Tiago Souza, Pierre Dulaine, Danilo Araújo, Rogério Rolim, Dora Freitas, Wallace White, Josilaine Sant’ana, Luiz Phelipe Sant’Ana, Wanderson Nascimento, Paulo Mattoso, Malu Alves, Geralda Prado, Kléber Gonçalves, Fabio Medeiros, Berto Medeiros, Ane Rodrigues, Gleyce Torres, Marina Scarpari, Cirlan Oliveira, Alexandre Vollu, Josiane Pires, Yuri Malccon, Wallace Quitete, Julie Alves, Caio Chaves, Mar Moraes, Matheus Muniz, Eduardo Barboza e Vitor Andrade.