Categorias
Destaque Diário do Rio Notícias Rio

Fundação Ceperj está com inscrições abertas para 5 cursos para servidores

A Fundação Ceperj está oferecendo cursos a distância para servidores com certificado digital. Cinco opções de formação estão à disposição dos interessados.

São eles:

GESTÃO PARTICIPATIVA DAS CIDADES

A criação deste novo curso foi motivada pelos impactos e transformações que o avanço da tecnologia e da comunicação provocaram nos órgãos públicos nas cidades nos últimos anos. Esta capacitação ensina o aluno a utilizar a gestão participativa em cidades como ferramenta estratégica para construção do urbanismo democrático e de uma boa governança. Os espaços de interlocução, o conceito de cidadania e os valores sociais da sociedade civil democrática são bastante valorizados no curso.

REDAÇÃO OFICIAL DO SEI

Curso destinado ao aperfeiçoamento da redação oficial. A novidade é que agora o certificado é válido não apenas no Estado do Rio, mas em todo o Brasil. É voltado para servidores de todas as esferas e de todos os estados. No entanto, a capacitação é livre e qualquer pessoa pode fazer. A carga horária total é de 10 horas.

Inscrições: https://escolavirtual.ceadceperj.com.br/course/index.php?categoryid=20

TELETRABALHO E EAD

Capacitação para o servidor que ainda não se adaptou totalmente ao trabalho remoto, que cresceu exponencialmente com a pandemia. Contém dicas e informações valiosas. A carga horária é de 8 horas.

Inscrições: https://escolavirtual.ceadceperj.com.br/course/index.php?categoryid=20

USO RESPONSÁVEL DAS TIC’s

A tecnologia é peça fundamental na comunicação, tanto em âmbito profissional como pessoal. Essa possibilidade ameniza os efeitos negativos do distanciamento social e seus respectivos impactos na economia. A carga horária é de 10 horas.

Inscrições: https://escolavirtual.ceadceperj.com.br/course/index.php?categoryid=20??

Categorias
Destaque Diário do Rio Notícias Rio

Curso gratuito ajuda jovens a conseguir o primeiro emprego; veja como se inscrever

Uma parceria entre o Governo do Estado do Rio, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Energia e Relações Internacionais, com a Procter & Gamble e com a Organização Não-governamental Instituto PROA oferece oportunidades de desenvolvimento e empregabilidade para jovens de baixa renda. O objetivo é ajudar a formar e inserir 6 mil jovens no mercado de trabalho.

“É um orgulho ter a P&G e o Instituto PROA promovendo a inclusão produtiva do jovem fluminense no mercado de trabalho. Temos certeza de que essa parceria apoiará a todos os jovens que buscam o primeiro emprego”, disse o governador Cláudio Castro. 

No primeiro mês da iniciativa,  foram cadastrados 1.700 jovens que irão se aperfeiçoar para o mercado de trabalho e se conectar com vagas de emprego.

“Conduziremos ao menos mil jovens a vagas em empresas parceiras do PROA, em municípios do Estado e na própria P&G”, explica a presidente da P&G no Brasil, Juliana Azevedo.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico participa ajudando a inserir os formados no mercado de trabalho.

“A presença de profissionais qualificados é fundamental para novas atrair empresas e investimentos. Quanto maior a capacitação, maior a produtividade e a competitividade do Estado’, explica o secretário de Desenvolvimento Econômico, Vinícius Farah. 

No programa, os jovens de 17 a 22 anos que concluíram o Ensino Médio em escolas públicas e que buscam seu primeiro emprego, têm acesso gratuito à plataforma on-line que oferece 100 horas de aulas com orientação e apoio de tutores em encontros semanais ao vivo. Ao final, os alunos que concluírem estarão aptos para participarem de processos seletivos para vagas de posições de início de carreira e primeiro emprego. Todos recebem certificado de conclusão emitido pelo PROA e têm acesso a vagas de emprego disponíveis no mercado.

“Estamos muito felizes em conectar esses jovens a oportunidades para entrarem no mercado de trabalho. Entrevistamos mais de 70 empresas com o objetivo de entender as reais demandas, assim como as competências necessárias para os jovens estarem preparados para o início de carreira. Vai ser incrível ver esses mais de 1.700 jovens do Rio transformarem suas vidas”, diz Alini Dal’Magro, CEO do Instituto PROA. 

Inscrições

As inscrições para as turmas de setembro já estão abertas no site: https://plataforma.proa.org.br/. São 2.800 vagas disponíveis. Para participar é preciso ter entre 17 e 22 anos, estar cursando ou ter concluído o 3º ano do Ensino Médio em escola pública e morar no Estado do Rio de Janeiro.

Categorias
Destaque Diário do Rio Notícias Rio

Abertas inscrições para curso Mulheres Empreendedoras no Rio

Estão abertas as inscrições para o curso Mulheres Empreendedoras, dentro da formação em empreendedorismo para usuários da Assistência Social do Rio, oferecida pelo programa Gerdau Transforma.

O público-alvo é de mulheres com mais de 18 anos, inscritas no CadÚnico (cadastro único do governo federal que dá acesso a programas sociais) e atendidas pela SMAS. Das 600 vagas oferecidas, mais da metade (336) já foi preenchida e restam 264. As inscrições vão até dia 21.

As aulas serão de 19 a 23 de julho, sempre às 19h, com transmissão via Youtube. A capacitação é dividida em cinco módulos que somam 20 horas (cinco dias, duas horas por dia). Ao final, os participantes participam de processo seletivo para incubação. Quem é selecionado ganha consultoria gratuita de 90 dias, também de forma online. As inscrições podem ser feitas no link: https://www.gerdautransforma.com.br/2021-t10-rj.

A formação é uma parceria da Assistência Social com a Gerdau e a Besouro Agência de Fomento, cuja metodologia adapta o modelo tradicional de plano de negócios para pequenos negócios, permitindo sua conclusão em cinco dias. Segunda turma da parceria, o Mulheres Empreendedoras tem conteúdo parecido com a primeira, que foi mista, mas focado em questões de gênero, jornada de trabalho da mulher e a importância da escolha de negócios inovadores.

Os alunos recebem apostila e têm acesso à matriz de negócios e material que estimula o pensamento lógico e a percepção visual de problemas e soluções. Cada módulo tem um nome: Tirando um sonho do papel (1), Dando forma ao negócio (2), Marketing de A a Z (3), Planejando o futuro (4) e Colocando em prática (5).

A capacitação da Gerdau Transforma já impactou a vida de sete mil alunos e foi divulgado para o público usuário da Assistência Social por meio dos Centros de Referência (Cras) e Centros de Referência Especializados (Creas). A primeira turma da parceria contou com 324 inscritos, com grande maioria composta de mulheres (79%), e pessoas na faixa de 30 a 59 anos (63%). Vinte e um por cento (93%) eram homens, e 31% jovens entre 18 a 29 anos, e apenas 6% com mais de 60 anos.

Serviço:

O que é: Mulheres Empreendedoras

Quando: 19 a 23 de julho, às 19h

Onde: Youtube

Inscrições: https://www.gerdautransforma.com.br/2021-t10-rj, até dia 21/7

Categorias
Sociedade

Degase investe na leitura em tempos de pandemia

A comunidade socioeducativa tem se debruçado sobre os mais variados projetos que sejam viáveis de implementar no sistema. Um dos mais eficientes, que garantem os protocolos preventivos à Covid-19, é a oferta de obras literárias aos adolescentes.

No Centro de Atendimento Intensivo (CAI) Belford Roxo, o CAI Baixada, a bibliotecária Simone Barros tem aproveitado ainda mais o espaço de leitura reinaugurado esse ano com as mediações de leitura para os internos, que podem ser seguidas de debates sobre o texto lido em rodas de conversas ou mesmo estimular a criação de desenhos ou outros textos.

As atividades de estímulo à leitura dão continuidade ao trabalho desenvolvido nas salas de leitura no Cense Dom Bosco, EJLA e Cense Ilha, PACGC, Cense Volta Redonda e GCA, Cense Friburgo, Criaad São Gonçalo e Criaad Ilha, Cecel e Cai Belford Roxo. Onze unidades que foram inauguradas ou revitalizadas nos últimos meses, em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (Seeduc) e a Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec).