Categorias
Cinema Cultura Séries

O Esquadrão Suicida: Diretor revela que quase todos os personagens irão morrer no filme

*Por Fabiana Santoro

O diretor de ‘O Esquadrão Suicida’, James Gunn, abriu o Instagram para uma uma sessão de perguntas e respostas, e foi questionado sobre quantos personagens morreriam na produção.

O roteirista respondeu sem entrar em muitos detalhes, o que a maioria não esperava: “quase todos eles”.

Pôster O Esquadrão Suicida. (Foto: Divulgação)

Confira a sinopse:

“Bem-vindos ao Inferno – também conhecido como Bell Reve, a prisão com o maior índice de mortalidade dos Estados Unidos. Onde os piores super-vilões são mantidos e onde farão qualquer coisa para escapar – até mesmo se juntar ao super-secreto e super-duvidoso grupo Força-Tarefa X. A missão suicida de hoje? Juntar um grupo de golpistas, incluindo Sanguinário, Pacificador, Capitão Bumerangue, Caça-Ratos 2, Savant, Tubarão Rei, Blackguard, Dardo e a psicopata preferida de todos, Arlequina. Então os arme com força e os jogue (literalmente) na remota ilha recheada de inimigos de Corto Maltese”. 

O filme será lançado nos cinemas nacionais dia 5 de agosto, antes da estreia nos estados unidos.

A produção recebeu a classificação indicativa para maiores de idade, significa que o longa contêm “violência extrema, cenas sangrentas, linguagem, referências sexuais, uso de drogas e breve nudez gráfica”.

Categorias
Cinema Mulher Notícias do Jornal TV & Famosos

Gal Gadot revela que Joss Whedon, diretor de Liga da Justiça, ameaçou sua carreira

*Por Fabiana Santoro

Não é a primeira vez que Gal Gadot comenta sobre o comportamento abusivo de Joss Whedon, diretor de Liga da Justiça, nos bastidores da produção. Desta vez, a atriz que interpreta a aclamada Mulher Maravilha, deu mais detalhes sobre sua experiência pessoal contra o diretor. De acordo com a atriz, Joss Whedon teria ameaçado sua carreira.

Confira o trecho da de Gadot para o jornal israelense N1. [via Deadline]:

“Ele meio que ameaçou minha carreira e disse que se eu fizesse algo ele faria minha carreira miserável, e eu só lidei com isso”.  

Os motivos da briga envolvem falas e comportamentos da personagem Mulher Maravilha, em que a atriz Gal Gadot não concordava com o jeito que a super-heroína seria retratada em Liga da Justiça. Segundo uma testemunha da produção, Joss Whedon se pronunciou nos bastidores sobre estar cansado de lidar com os questionamentos de Gadot. “Ele disse que era o roteirista e que ela calaria a boca e falaria as falas, porque ele poderia fazer ela parecer incrivelmente burra no filme”. 

Categorias
Cinema Cultura Destaque Notícias do Jornal Séries Sociedade TV & Famosos

Coringa: sequência do filme está em desenvolvimento pela DC, estrelando Joaquin Phoenix

*Por Fabiana Santoro

O filme que rendeu a primeira estatueta do Oscar de Melhor Ator à Joaquin Phoenix, ganhará mais uma produção pela DC. Através de uma matéria especial, o The Hollywood Reporter confirmou nesta quarta-feira (5), a sequência de ‘Coringa‘ estrelado por Joaquin Phoenix. 

Recentemente, o jornal Daily Mirror afirmou que Joaquin Phoenix estava negociando um contrato de US$ 50 milhões (cerca de R$ 268 milhões na cotação atual) para interpretar o personagem em mais dois filmes.

Se isso acontecer, a DCEU consagra ‘Coringa’ como a mais nova franquia do estúdio e provavelmente uma das mais lucrativas, visto que o primeiro filme arrecadou US$1 bilhão nas bilheterias.

“Até o momento, todos os filmes e séries, com a exceção de The Batman de Matt Reeves – protagonizado por Robert Pattinson, que está programado para ser lançado em março -, a série derivada da HBO Max Gotham PD e Coringa e sua sequência, farão parte do mesmo universo.”, revela The Hollywood Reporter.

Joaquin Phoenix como Coringa. (Foto: Reprodução DC)

A fonte afirma que os roteiros das duas sequências já estão sendo escritos e Joaquin Phoenix está “bastante engajado” com a produção e que o plano da Warner Bros é lançar os filmes em 2023 e 2025.