Categorias
Arte Cultura Destaque Música Notícias Rio

“Geração Glee – O Musical” estreia no Rio de Janeiro

Espetáculo estreia em janeiro no Teatro Clara Nunes

Dias 20, 23 e 30 de janeiro o Teatro Clara Nunes no Rio de Janeiro apresenta “Geração Glee – O Musical”. O espetáculo retrata a história de alunos do último ano do High School que estão prestes a passar pela fase mais difícil de suas vidas, enquanto trabalham para ter a chance de ganhar o concurso de música mais prestigiado do mundo em Nova York e compartilhar suas esperanças e sonhos com o novo professor do Clube de Coral.

Com músicas de Lady Gaga, One Direction, Jessie J., Katy Perry, Bruno Mars, Miley Cyrus, Demi Lovato, Madonna, entre outras, Geração Glee retrata um ano cheio de felicidades, decepções, amores e perdas na vida dos jovens alunos.

O Musical do britânico Martin Callaghan, ator e diretor em West End London, sucesso na Europa, chega ao Brasil com realização da Escola de Artes Faz Assim. Assim como na Europa, o espetáculo promete ser mais um sucesso de bilheteria.

Vale ressaltar que a apresentação do dia 30 de janeiro contará com a participação especial do ator, dublador e cantor Raphael Rossato.

Serviço:

Datas: 20, 23 e 30/01

Horário: às 20h

Local: Teatro Clara Nunes no Shopping da Gávea

Endereço: R. Marquês de São Vicente, 52 – Gávea, Rio de Janeiro – RJ

Classificação: livre

Duração:  80min

Texto e direção: Martin Callaghan

Adaptação: Fred Trotta

Direção residente: Fred Trotta

Direção musical residente: Kika Tristão

Direção de movimento: Andressa Tristão

Preparação de elenco: Karlla Guimarães

Realização: Escola de Artes Faz Assim

Valores ingressos:

Inteira – 80,00

Meia – 40,00

 

Categorias
Destaque Doação de sangue Notícias Rio Saúde

Com baixo estoque, INTO reforça pedido de doação de sangue

O Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (INTO), do Ministério da Saúde, faz um alerta à população sobre a baixa nos estoques de sangue do hospital.

Desde o período de festas no final do ano e com o aumento dos casos de covid-19, o Hemointo – banco de sangue do Instituto – vem registrando um comparecimento de doadores bem abaixo da meta necessária para atender às cirurgias de alta complexidade realizadas no INTO.

A doação de sangue pode ser feita por pessoas que tenham de 16 a 69 anos de idade, que pesem mais de 50 quilos e apresentem bom estado de saúde. O doador deve portar um documento original de identidade e não pode estar em jejum. Jovens de 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais por meio de formulário próprio do Hemointo.

Para doar, não é necessário realizar agendamento prévio. O Instituto oferece transporte gratuito para doações feitas em grupos e marcadas com a equipe de captação.

Atualmente, o Hemointo funciona às segundas, quartas e sextas-feiras, das 8h às 17h (exceto feriados), na sede do Into, na Avenida Brasil, 500, 1º andar, no bairro de São Cristóvão.

Covid-19:

– Doadores que tiveram a doença ficam inaptos por 30 dias após a cura.

– Doadores que desenvolveram a forma grave da doença, ficam inaptos por um ano.

-Em caso de contato em domicílio ou de outra forma com casos suspeitos ou confirmados, os doadores ficam inaptos por 14 dias após a cessação de contato com a pessoa.

-Doadores que retornaram de viagens internacionais vindo de qualquer país ficam inaptos por 14 dias.

– Doadores vacinados com a Coronavac, da Sinovac/Butantan, ficam sem doar por 48h após cada dose.

– Doadores vacinados com a Oxford, da AstraZeneca/Fiocruz, ficam sem doar por sete dias após cada dose.

Categorias
Destaque Notícias Rio Tecnologia

Angra dos Reis ganhará Centro de Pesquisa, Tecnologia e Inovação

Implantação da unidade atende pedido do deputado estadual Anderson Moraes

Graças a uma indicação legislativa do deputado estadual Anderson Moraes (PSL), que solicitou ao Governador Cláudio Castro e ao Secretário Estadual de Ciência e Tecnologia a implantação de um Centro Tecnológico em Angra dos Reis, os moradores da Região da Costa Verde terão, em médio prazo, acesso a diversas atividades relacionadas à ciência, tecnologia, inovação e formação profissional e técnica.

Anunciados pelo Governo do Estado, os Centros Integrados de Pesquisa, Tecnologia e Inovação buscarão parcerias com empresas para o desenvolvimento das vocações regionais, criando inúmeras oportunidades para a população fluminense. Além do que será instalado em Angra dos Reis, ao todo, serão mais sete Centros, um em cada região do Estado.

Agradeço imensamente ao governador Cláudio Castro por ter aceitado a minha indicação e trazido esse novo projeto para Angra dos Reis, contribuindo não somente para o desenvolvimento do município, mas para toda a região. Quem ganha é a população, que terá a possibilidade de qualificação técnica e profissional direcionadas para as vocações locais – ressaltou o deputado, que também foi um dos autores da Lei 9526/2021.

Sancionada em dezembro, a Lei estabeleceu regime diferenciado de tributação do ICMS para a indústria náutica fluminense, desonerando um setor relevante para geração de empregos na Costa Verde.

Categorias
Brasil Destaque Meio Ambiente Notícias Política

Prefeitura de Campos monitora vazão do Rio Paraíba do Sul

A prefeitura de Campos dos Goytacazes, no norte fluminense, monitora a elevação do nível do Rio Paraíba do Sul. De acordo com a Secretaria Municipal de Defesa Civil, em nove horas o nível subiu 26 centímetros, chegando à cota de 10,91 metros às 9h15 de hoje (12). Pelos cálculos do secretário de Defesa Civil, Alcemir Pascoutto, mantida a média de elevação de dois a quatro centímetros por hora, a cota de 11 metros pode ser atingida ainda nesta quarta-feira.

Desde quinta-feira (6), a Defesa Civil monitora o Paraíba do Sul. Nesse dia, a pasta emitiu alerta sobre acumulado significativo de chuvas em Campos. As previsões também indicavam a possibilidade de grande volume de chuva em toda a região de influência hídrica do rio. Além do Paraíba do Sul, o Setor de Monitoramento também acompanha o comportamento de todos os afluentes e da calha principal, porque eles impactam diretamente o nível do Paraíba do Sul na cidade.

Nos pontos onde a água do rio está voltando pelas galerias, as equipes da Defesa Civil e do governo seguem colocando sacos de areia, ao mesmo tempo em que equipes técnicas estão realizando vistorias para verificação de todas as informações que chegam sobre pontos de risco.

“Estamos de prontidão, concentrando todos os nossos esforços para minimizar os possíveis impactos das cheias. Nosso foco é o povo, dar assistência ao povo, fazer chegar informação e auxílio a todas as pessoas afetadas, que precisam do governo nesse momento. O prefeito Wladimir está atuante junto com o Gabinete de Crise, definindo com a Defesa Civil as medidas a serem tomadas a cada mudança de cenário”, disse o secretário da Defesa Civil.

No final da tarde de ontem (11), como medida preventiva, a Defesa Civil interditou a ponte Barcelos Martins, no centro, logo após o Rio Paraíba do Sul ultrapassar a cota de transbordo, atingindo 10,43 metros. “A interdição é necessária, uma vez que a correnteza do rio está forte e há acúmulo de vegetação nos pilares da ponte, o que acaba provocando pressão nos pilares, podendo comprometer a estrutura da ponte”, justificou a prefeitura.

Para impedir o tráfego de motocicletas, bicicletas e a passagem de pedestres, a Guarda Civil Municipal está no local. “A desinterdição só acontece depois que o nível do Rio Paraíba é normalizado e a Defesa Civil realiza vistoria”, completou a prefeitura.

De acordo com a Secretaria de Estado de Defesa Civil do Rio de Janeiro (Sedec-RJ), o número de desalojados em consequência das chuvas que caem desde sexta-feira (7) subiu para 7.800, e há cerca de 700 desabrigados nos municípios atingidos pelos temporais, especialmente nas regiões norte e noroeste do estado.

Conforme a secretaria, agentes estaduais continuam visitando as áreas atingidas para verificar a situação e prestar todo apoio às defesas civis municipais. A Sedec-RJ e o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ) estão mobilizados para atuar na prevenção e na diminuição dos danos causados pelas chuvas que atingem o estado do Rio. Todas as regiões registram áreas de inundações, deslizamentos, alagamentos e quedas de árvores.

De acordo com a Defesa Civil, até o momento, os municípios de Bom Jesus do Itabapoana, Natividade, Trajano de Moraes, Santa Maria Madalena, São Sebastião do Alto e Cachoeiras de Macacu decretaram Situação de Emergência.

Desde sábado (8), o CBMERJ realizou mais de 360 atendimentos relacionados às chuvas. Até o momento, não há registro de mortos.

As avaliações do Centro Estadual de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais do Rio de Janeiro (Cemaden-RJ) indicam, para as próximas horas, a previsão de chuva fraca a moderada isolada durante a manhã e pancadas de chuva moderada a ocasionalmente forte, de forma isolada, a partir da tarde, em todas as regiões do estado.

 

Agência Brasil

Categorias
Destaque Economia Notícias Rio

Temporada de liquidações no Shopping tem desconto de até 60%

Durante a campanha Super Saldo, em vigor até 16 de janeiro, clientes podem aproveitar abatimentos de até R$ 1.310,00 através do aplicativo do shopping

Até o dia 16 de janeiro, o Shopping Nova Iguaçu, administrado pela Ancar Ivanhoe, uma das maiores plataformas de shopping centers do país, oferece ótimas promoções aos clientes através da campanha Super Saldo. Ao usar o aplicativo do shopping, os clientes encontram descontos de até 60% em diversos produtos, na aba ‘cupons’. A ação também é válida para as lojas físicas.

Apesar de, no mês de janeiro, o consumidor ter de lidar com despesas extras no orçamento, o cenário econômico vem passando por oscilações positivas. Viemos de uma reta final de ano com o aumento da confiança do consumidor e retomada do fôlego no varejo. A campanha Super Saldo é uma oportunidade de começar bem o ano e manter as compras aquecidas – conclui Manoilton Alves, gerente de marketing do Shopping Nova Iguaçu.

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) aponta que o ano de 2022 será “desafiador” para as vendas do comércio. No cenário atual, a inflação está em alta, os juros elevados e a renda baixa. Por isso, a campanha varejista Super Saldo vem se consolidando cada vez mais no mercado, com o intuito de aumentar as vendas do início do ano e dar oportunidade de compra com preços baixos para os clientes.

Confira abaixo as promoções mais convidativas do Shopping Nova Iguaçu:

O cliente pode pagar R$ 990,00 em uma cama de casal Box Baú na loja Sonho e Sono, que normalmente custa R$ 2.300,00, por exemplo.

Já a Polishop oferece um conjunto de duas panelas iChef, com uma tampa, de R$ 869,83 por R$ 499,90.

Ainda no assunto compras para a casa, um amplificador Bluetooth de madeira vai de R$ 349,90 para R$ 299,90 na Imaginarium.

Os flamenguistas de coração encontram tanto a Camisa Oficial Flamengo 1 quanto a Camisa Pride de R$ 279,99 por R$ 199,99 no Espaço Rubro Negro.

Outros descontos incluem itens de beleza, como o Perfume La Vie Est Belle, cujo preço passou de R$ 689,90 para R$ 589,90 na La Partier. Já na loja O Boticário, o perfume Linda sai de R$ 149,90 por R$ 69,90.

Além disso, é possível encontrar, também no Shopping Nova Iguaçu, calçados com descontos de até R$50,00 nas lojas Sapatella, Sonho dos Pés, Aleatory, Sport Rio e Wqs.

Quem quer garantir uma roupinha nova pode ficar de olho nas ofertas de artigos de vestuário nas lojas Taco, Aquamar, Polo Wear e Peahi.

Serviço | Shopping Nova Iguaçu

Av. Abílio Augusto Távora, 1111 – Luz, Nova Iguaçu – RJ

Horário de funcionamento: Segunda a sábado, das 10h às 22h, com praça de alimentação abrindo às 10h e Baixo Pedreira das 12h às 23h. Domingos e feriados, das 13h às 21h; praça de alimentação das 12h às 22h e Baixo Pedreira das 12h às 23h.

Categorias
Destaque Moda Notícias Rio

Balzak40 realiza última edição do ano no final de semana

Evento na Gávea terá entrada gratuita e muitas opções de peças exclusivas para presentear neste Natal

A Balzak40, evento comandado pelas sócias Elizabeth Nigro e Claudia Medeiros, terá mais uma edição neste sábado (18) e domingo (19), na Casa Santa Ignêz, Gávea, das 12 às 20h.

O coletivo que reúne moda, arte, gastronomia e comportamento apresenta sua última edição do ano de 2021 e traz diversos stands com marcas autorais independentes, novos estilistas e designers, e muitas novidades em peças exclusivas e handmade. Entre os expositores desta edição, destaque para a Caulí Acessórios, com brincos, colares e pulseiras inspirados na natureza; a Life Roupas, com sua moda confortável e atemporal; a Rara Atelie, conhecida por suas peças bordadas; e a Cheiro Bom Saboaria, que traz diversas opções em velas, aromatizadores de ambiente e sabonetes. São 62 marcas trazendo para quem passar por lá, opções de presentes e lembranças para as festas de fim de ano.

Para deixar a Balzak40 ainda mais animada, no sábado (18), o cantor Peninha toca “Brasil Rock Sunset” com apresentação marcada para 17h.

A coletivo permite a entrada do seu pet e é acessível para pessoas cadeirantes. A entrada é gratuita e parte da renda adquirida com a venda dos produtos será destinada para o Instituto da Criança. Além disso, a Balzak40 estará arrecadando leite em pó para a instituição.

O evento será realizado de acordo com todos os protocolos de segurança para o COVID-19, incluindo o uso obrigatório de máscaras e o distanciamento social.

Balzak40

Datas: 18 e 19 de dezembro – sábado e domingo

Local: Casa Santa Ignez – Rua Mary Pessoa, 91- Gávea

Horário: das 12h às 20h

Entrada franca

Categorias
Cultura Destaque Música Notícias Rio

Shopping promove temporada musical natalina

Apresentações gratuitas acontecem às quintas de dezembro, às 19h, com cortejos e apresentação de coral

Para trazer ainda mais emoção e encantamento para a temporada natalina, o Caxias Shopping vai promover uma programação musical gratuita especial, nas próximas quintas-feiras, sempre às 19h, com apoio do Sesc Rio.

Nos dias 9 e 16 de dezembro, a atração será a performance do grupo EnCantadoras, que vai apresentar o espetáculo inédito Cortejo Musical uma celebração ao renascimento. Com figurinos de personagens inspirados nos contos das histórias natalinas do imaginário popular e do universo infantil, o grupo vai apresentar, por meio da música e do encantamento de suas letras, uma viagem de sonhos e sensações sonoras, repleta de aventuras, através de suas melodias que iluminam e reavivam a esperança. O cortejo que vai percorrer os corredores do shopping será formado pelas belíssimas vozes de Chrys Sampaio e Aurora Lopes, acompanhadas pela melodia do violino de Lara Salustiano em uma roupagem que enaltecerá as melodias presentes nas canções populares.

Foto: Divulgação

Já no dia 23 de dezembro, o Caxias Shopping vai receber apresentação de Coral Natalino com as clássicas canções de Natal, na praça de alimentação.

Confira a programação abaixo:

09/12 – Apresentação Musical com o grupo EnCantadoras

16/12 – Apresentação Musical com o grupo EnCantadoras (itinerante)

23/12 – Apresentação de Coral Natalino (praça de alimentação)

Todas as apresentações são sempre às 19h.

Caxias Shopping: Rod. Washington Luiz, 2895 – Duque de Caxias

Categorias
Arte Destaque Economia Notícias

O espetáculo principal do Natal, estreia no dia 09 de dezembro

Com concepção, coreografias e direção geral de Dalal Achcar, a montagem apresenta a história da menina Flora, que junto aos seus amigos, espera pelo Papai Noel na véspera de Natal. Porém, as crianças não aguentam de sono e dormem. Como num passe de mágica, são transportadas para o Polo Norte, numa imensa floresta de pinheiros coberta de neve. Símbolos natalinos e brinquedos ganham cor e vida. Cristais, flocos e bonecos de neve dançam celebrando o inverno e a chegada do Natal. O Príncipe das Neves dá as boas-vindas e mostra o caminho para o Reino de Papai Noel. E assim, começa a aventura das crianças pelos reinos da neve e da fantasia. Todos juntos vão distribuir alegrias nas ruas e lares dos continentes, levando a principal mensagem do Espírito de Natal: a esperança.

Com patrocínio do Instituto Cultural Vale por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, o espetáculo de ballet, com músicas de J. Offenbach, R. Drigo, J. Strauss, M. Viana, popular americana e alemã, é apresentado com movimentos, cores, luzes, figuras e formas, promovendo o prazer estético e estimulando o potencial criativo em cada espectador. A principal intenção é reforçar, para crianças de todas as idades, a importância de valores preciosos como o afeto, a empatia, a amizade e o respeito, em busca de um mundo sem guerras, mais justo e fraterno, onde a generosidade supera a ganância, a tolerância supera a ira e o sorriso devolve o amor.

Quero oferecer um presente para a cidade, um espetáculo leve e para toda a família. Pretendo trazer a criança que ainda existe em nós à tona, mexer com as emoções e a capacidade de sonhar. É um programa tradicional de fim de ano para crianças, pais e avós – comenta Dalal, uma das principais referências do ballet clássico nacional.

Com mais de meio século de trajetória artística, Dalal é a responsável pelo lançamento dos maiores bailarinos brasileiros no mercado nacional e internacional, entre eles: Marcelo Gomes – American Ballet Theatre New York – USA; Ana Botafogo – primeira bailarina do Theatro Municipal; Roberta Marques – Royal Ballet- Londres – Inglaterra; e com a participação de Mariza Estrella do Centro de Dança Rio, por Thiago Soares – Royal Ballet – Londres- Inglaterra; Irlan Santos- Boston Ballet – USA; Carollina Bastos – Ballet de Munich – Alemanha; Thamires Chuvas-SAN Francisco Ballet – California-USA.entre muitos outros.

Carioca da gema, Dalal conviveu e trabalhou com os maiores nomes da cultura brasileira, dentre eles, Vinicius de Moraes e Manuel Bandeira que escreveram um balé especialmente para a coreógrafa. Di Cavalcanti e Burle Marx fizeram cenários e figurinos de alguns de seus espetáculos. Tom Jobim compôs uma canção para ela, que continua inédita. “O Tom fez uma música orquestrada pelo maestro Radamés Gnatalli, que guardo em meus arquivos”, revela Achcar. Margot Fonteyn, falecida em 1991 e principal estrela do Royal Ballet, foi madrinha profissional de Dalal, que começou a dançar aos 15 anos. Aos 18, fundou a Associação de Ballet do Rio de Janeiro.

Dalal é considerada a maior difusora e propagadora do balé clássico no Brasil. Levar o balé para o povo é um dos grandes prazeres da coreógrafa, que trouxe Margot Fonteyn e Rudolf Nureyev ao palco do Maracanãzinho em 1967.

Quando eu fazia galas, havia espetáculos para o povo no dia seguinte. No Teatro Municipal, durante a minha gestão, milhares de professores da rede pública assistiram a concertos, dança e ópera. Esporte, música, dança, teatro e artes deveriam ser ensinados na escola. Acho fundamental complementarem a educação com a arte e cultura – finaliza Dalal Achcar.

Sobre Dalal Achcar:  uma bailarina brasileira, que aprimorou seus conhecimentos em París, NY e Londres. Coreógrafa de grandes espetáculos, como do tradicional, e um dos mais montados em todo mundo, O Quebra Nozes. Foi ela quem criou o primeiro Curso Superior de Formação de Professores de Dança do Brasil, e quem trouxe os maiores nomes do Ballet Internacional e foi responsável por lançar a carreira de artistas brasileiros, tais como Ana Botafogo, Roberta Marques, Thiago Soares e Marcelo Gomes.

Instituto Cultural Vale: O Instituto Cultural Vale é um instrumento de transformação social com o propósito de fomentar o desenvolvimento das expressões artísticas e de democratizar o acesso e a produção de arte e de cultura. Com o objetivo de gerar impacto positivo na vida das pessoas e construir um legado para futuras gerações através da produção cultural, tem, sob sua gestão, mais de 200 projetos criados, apoiados ou patrocinados pela Vale em 24 estados e no Distrito Federal para execução em 2021. Dentre eles, uma rede de espaços culturais próprios. São quatro museus e centros culturais com visitação gratuita, atuação junto a escolas e organizações sociais, com identidade e vocação próprias: Memorial Minas Gerais Vale (MG), Museu Vale (ES), Centro Cultural Vale Maranhão (MA) e Casa da Cultura de Canaã dos Carajás (PA). Fechados temporariamente desde março de 2020 em função da pandemia da Covid-19, estes espaços mantêm programação online gratuita em seus canais próprios, para conservar vivo o diálogo com seus públicos.

SERVIÇO:

Teatro Riachuelo

Rua do Passeio, 38/40. Centro – Rio de Janeiro

09 a 19 de dezembro de 2021

Datas: 09, 11, 12, 17, 18 e 19 de dezembro

Quinta a sábado as 20h, domingo as 16h.

Sessão dupla no dia 18/12, as 16h e 20h.

Duração: 70 minutos.

Classificação: livre.

Ingresso: entre R$ 20,00 e R$ 80,00.

Produção: Aventura

Tipo de evento: Presencial

Lotação: 999 lugares

Categorias
Cultura Destaque Notícias Rio

Festival Ilumina Zona Oeste retorna às atividades presenciais

Iniciativa que dá voz e visibilidade aos criadores de cultura da Zona Oeste desde 2017, promove cursos, intervenções culturais, arte e gastronomia aos moradores do entorno

Entre os dias 03 a 12 de dezembro, pontos de BRTs, ruas, praças e estabelecimentos gastronômicos da Zona Oeste darão lugar a iniciativas culturais promovidas pelo Festival Ilumina Zona Oeste, atração que chega a sua 5ª edição buscando dar visibilidade aos artistas da região, com intensa programação cultural gratuita espalhada por toda Zona Oeste. A programação completa pode ser conferida no site.

O Festival, idealizado pelo Instituto Phi e com realização do Instituto Rio, conta com patrocínio da Transolímpica ViaRio e da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Secretaria Municipal de Cultura, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura – Lei do ISS.

Cumprindo todos os protocolos contra a Covid-19 vigentes na Cidade do Rio, o evento presenteia a população local indo ao seu encontro para oferecer experiências artísticas em espaços urbanos, no seu ir e vir pela região, como ruas, praças, viaduto de Realengo, ônibus e também em equipamentos culturais e espaços de educação.
Dentre os destaques, a abertura trará o saxofonista de Santa Cruz, Ronaldo Martins, conhecido por suas intervenções culturais que fazem sucesso pela cidade, tocando muita música no ponto de BRT Mato Alto, às 17h.

No sábado, 04, das 09h às 11h, acontecem oficinas populares na Feira Livre da Colônia em Jacarepaguá, visita guiada ao Museu Bispo do Rosário Arte Contemporânea e também a atração do Bloco Império Colonial. Já a partir das 17h, o Viaduto de Realengo terá exposição de grafite e performance teatral. No domingo, 05, a Praça de Skate de Campo Grande promove Cultura Urbana. Ainda no domingo a Praia de Sepetiba contará com uma animada apresentação do grupo Bora Batucar.

Haverá também um animado Rolezinho gastronômico, com André Gabeh, que percorrerá um percurso por diferentes lugares na Zona Oeste, provando e divulgando em suas mídias sociais, ao vivo, iguarias de empreendedores que fazem história na localidade, como Joelho do Geléia, em Bangu; Pastel do Fernado’s em Pedra de Guaratiba e Churrasco do Bar do Lu, em Santa Cruz.

E, não para por aí, ao longo da semana acontecem lives literárias, nova edição da FES – Feira de Empreendedores Sustentáveis, em parceria com Casa de Cultura de Jacarepaguá, e muito mais. O encerramento, no dia 12/12, fica por conta do grupo Folia de Reis do Sertão Carioca, no Museu do Pontal.

Luiza Serpa, fundadora do Instituto Phi, criadora e cogestora da iniciativa, se alegra em conhecer, assim como proporcionar oportunidade a diversos empreendedores da arte.

A cada edição o Festival ganha mais parceiros, dando oportunidades para novos participantes. A Zona Oeste é um celeiro de fazedores da cultura, precisamos gerar oportunidades para fomentar a cultura nesta região – Explica Luiza Serpa

Pablo Ramoz, curador do Festival, também se alegra em poder trazer uma nova edição do festival e voltar para o formato presencial.

O Festival esse ano vai levar ao público a possibilidade de ter contato com as artes no seu dia a dia, na volta do trabalho, nas ruas. As apresentações do Ilumina são a nossa forma de abraçar quem mora na Zona Oeste. Sabemos que as periferias e favelas sempre sofreram com o apagamento cultural e a falta de acesso aos direitos sociais fundamentais, especialmente a cultura. Na R.A de Santa Cruz o Índice de Acesso à Cultura é 05 numa escala ade 0 a 100 (Fonte: Plano Santa Cruz 2030). A gente não pode manter 41% da população do Rio privada de experiências artísticas, porque isso traz consequências sérias na formação ética, estética e cidadã. Iluminar a cultura é iluminar a vida.

SERVIÇO:

Ilumina Zona Oeste

Realização: Instituto Rio
Curadoria: Pablo Ramoz
Produção: Ana Vargas
Data: 03 a 12 de dezembro
Classificação etária livre
Acesse a programação no site

Sobre o Instituto Rio

O Instituto Rio é uma fundação comunitária criada em 2000 com o objetivo de apoiar e fortalecer iniciativas que promovem o desenvolvimento social da Zona Oeste na cidade do Rio de Janeiro. Durante 18 anos, apoiou 265 projetos nas linhas de atuação: ações afirmativas; raça, gênero e protagonismo jovem; economia criativa e solidária; arte e cultura; geração de trabalho e renda; tecnologias sociais; desenvolvimento comunitário e institucional; direitos humanos, justiça social e cidadania; direitos sexuais e reprodutivos; comunicação comunitária e acesso às tecnologias digitais; educação afirmativa; desenvolvimento socioambiental/meio ambiente; esporte e saúde.

 

Categorias
Destaque Esporte Notícias Rio

Campeão sul-americano juvenil, nadador do Fla encara o Brasileiro

Aos 15 anos, João Pedro Alves já vem colhendo os frutos da dedicação à natação. Treinando, em média, 18 horas por semana, o atleta do Flamengo conquistou, no último dia 13, o Sul-Americano Juvenil, em Lima, no Peru, os 100m borboleta, com o tempo de 57s88. Nesta semana, o nadador disputa, em Porto Alegre, o Campeonato Brasileiro de Verão, que começa terça-feira.

Ganhar o Sul-Americano foi algo indescritível, a ficha não caiu até agora. E o melhor foi o momento de subir ao pódio e ouvir o hino do meu país – comemora João.

Tendo como maior inspiração o ex-nadador Fernando Scherer, o Xuxa, João iniciou aos 11 anos a competir.

Há 1 ano e 3 meses, João é atleta do Rubro-Negro:

 É ótimo defender o Flamengo, pois eles estão sempre nos apoiando como atletas e estudantes.

O campeão sul-americano juvenil dos 100m borboleta, por sinal, também é grato ao CEL Intercultural School, onde estuda há 1 ano e 4 meses:

O colégio é essencial, pois consigo manter tanto os treinos e a escola juntos, ainda mais em períodos de competição, como, por exemplo, o Sul-Americano. O CEL me permite viajar por um tempo para competir e voltar com poucas preocupações, pois sei que vou ter um ótimo auxílio dos professores e coordenadores – agradece João.