Categorias
Destaque Diário do Rio Notícias Saúde

Novo posto de vacinação é inaugurado em casa de espetáculos em Jacarepaguá

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) inaugurou, nesta segunda-feira (17/05), mais um ponto de vacinação na campanha contra a Covid-19. A casa de espetáculos Espaço Hall (antigo Barra Music), em Jacarepaguá, atenderá o público para vacinação de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Nesta segunda, é a vez dos homens de 45 anos com comorbidades ou dos outros grupos prioritários receberem a vacina.

O posto do Espaço Hall é uma parceria entre a Secretaria Municipal de Saúde e a ONG Core. A vacinação ocorrerá dentro da estrutura da casa de espetáculos, com ambiente amplo e refrigerado, exclusivamente para pedestres. O local tem grande oferta de transporte público e, para quem chegar de carro, o estacionamento estará liberado, gratuitamente. Ao todo, são mais de 250 PVs disponibilizados pela SMS em toda a cidade para atender a população.

Nesta etapa da campanha, a vacinação é voltada para pessoas com comorbidades (lista do PNI) ou com deficiência permanente, trabalhadores da saúde e guardas municipais envolvidos diretamente nas ações de combate à Covid-19 e ações de vigilância das medidas de distanciamento social. O atendimento para esses grupos é escalonado por gênero e faixa etária, conforme calendário disponível em coronavirus.rio/vacina. São ainda atendidas nesta etapa pessoas com síndrome de Down e com doença renal crônica (em diálise) a partir de 18 anos, sem escalonamento etário.

Gestantes e puérperas com comorbidades, a partir de 18 anos, também podem se vacinar. Por orientação do Ministério da Saúde, elas receberão apenas as vacinas Pfizer e Coronavac, de acordo com a disponibilidade. Para tomarem a vacina devem apresentar laudo médico detalhado justificando a recomendação e avaliação da relação risco-benefício para a vacinação, além da assinatura do termo de esclarecimento disponível em coronavirus.rio/vacina.

Categorias
Destaque Diário do Rio Notícias

Lixão clandestino com 20 toneladas de resíduos é fechado em Jacarepaguá

Um lixão clandestino com 20 toneladas de resíduos de construção civil foi fechado nesta terça-feira (23), em ação conjunta da Secretaria de Meio Ambiente da Cidade com a Subprefeitura de Jacarepaguá, Polícia Militar, Comlurb e CET-Rio, em Jacarepaguá, na Zona Oeste.

O despejo irregular de entulho em frente à Vila Olímpica de Mato Alto, na Praça Seca, estava causando enchentes, perda de infraestrutura de drenagem por entupimento de galerias e assoreamento de canais na região, além da poluição e aumento desnecessário dos custos da administração pública para fazer a retirada.

Na ação, foram retiradas aproximadamente 20 toneladas de resíduos, compostos por diferentes tipos de materiais gerados em reformas, reparos e demolições de obras, assim como entulho de escavação de terrenos. Policiais civis da 28ª DP (Praça Seca), que apoiaram a operação, conduziram à delegacia duas pessoas suspeitas de praticarem crime ambiental.

A Secretaria de Meio Ambiente estima que sejam geradas diariamente, aproximadamente, 2,7 mil toneladas de resíduos de construção civil na cidade do Rio. Destas, 1,5 mil tonelada não recebe a destinação ambientalmente adequada, uma vez que carroceiros e empresas não credenciadas destinam irregularmente, descartando, muitas vezes, em vazadouros clandestinos ou, até mesmo, em vias públicas.