Categorias
Destaque Diário do Rio Notícias Rio

Procuradoria do Município do Rio realiza palestra online sobre tema LGBTQIA+

A Procuradoria do Município do Rio (PGM Rio) informou que ira realizar no dia em que se comemora o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, em 28 de junho (segunda-feira), uma palestra para discutir o papel do município no acolhimento à comunidade LGBTQIA+. O encontro virtual intitulado “O Município e a Diversidade Sexual” foi organizado pelo Centro de Estudos da PGM e vai reunir professores de Direito e procuradores do município.

“É a primeira vez que vamos abordar a comunidade LGBTI+ em um evento na Procuradoria. Entendemos que esse tema que envolve a diversidade é urgente e é uma questão de direitos humanos. A ideia é debater o papel constitucional dos municípios que é o ente que primeiro acolhe essas pessoas, que ainda vivem os mais variados tipos de pré-conceitos”, explica o procurador-geral, Daniel Bucar, um dos mediadores do evento.

O encontro virtual, que começa às 17h, será transmitido internamente para todos os integrantes da PGM, mas também para o público externo, por meio do canal da PGM Rio no Youtube.

“Convidamos dois professores de Direito que ministram aulas em universidade pública. São esses acadêmicos que vão pensar conosco a diversidade e o acolhimento dessa comunidade plural pelos municípios”, complementou o procurador e Diretor do Centro de Estudos, Rafael Oliveira.

Serviço:
Palestra online “O Município e a Diversidade Sexual”
Data: 28/06
Hora: 17h
Transmissão: Canal da PGM Rio no Youtube (youtube.com/PGMrio)
Palestrante: Heloisa Helena Barboza- Diretora e Professora Titular de Direito Civil da Faculdade de Direito da UERJ
Debatedor : Gustavo Binenbojm – Professor Titular da Faculdade de Direito da UERJ
Mediadores: Daniel Bucar – Procurador- Geral do Município do Rio e Rafael Oliveira – Procurador e Diretor do Centro de Estudos da PGM

Categorias
Brasil Cultura

O Fórum Cultura + Diversidade acontecerá entre os dias 22 e 28 de abril

 

 

 

O Fórum Cultura + Diversidade SP acontecerá entre 22 e 28 de abril de forma online, trazendo debates importantes e colocando em pauta, a contribuição e os desafios e oportunidades de mulheres, LGBTQIA+, negros, pessoas com deficiência, migrantes e refugiados, jovens, profissionais com mais de 50 anos de idade e dos membros de povos indígenas no mercado de trabalho. Entre os debatedores já confirmados estão Kátia Teixeira, empresária responsável pela rede de empreendedoras femininas “Agora é que são Elas”, Márcia Rocha, empresária fundadora do projeto Transempregos, advogada integrante da Comissão da Diversidade Sexual da OAB/SP e Chirley Pankará, indígena, CoDeputada Estadual (PSOL/SP), educadora e ativista do movimento.

Categorias
Cultura

Livro Revolução 50+ aborda temas como a diversidade, inclusão e empreendedorismo

Em um momento em que o mundo precisou ressignificar valores e aprender a se transformar devido à pandemia, a Editora Leader inova e apresenta à sociedade a série Revolução 50+. O livro cuja edição destaca “A diversidade, a inclusão e a ampliação do empreendedorismo com propósito” é o primeiro da série que tem como intuito evidenciar o poder dos 50+ e mostrar que todos são capazes de se reinventar e aprender juntos. A obra tem a coordenação da diretora de projetos e CEO da Editora Leader, Andréia Roma, e da sócia-diretora da Sinergia Consultoria em Gestão de Pessoas & Mentoria de Novos Negócios, Betty Dabkiewicz, do Instituto Revolução 50+.

De acordo com Andréia, o objetivo primordial deste livro e dos próximos desta coleção é trazer as experiências de pessoas que fizeram a “virada de chave” após os 50 anos e revelar as numerosas oportunidades de desenvolvimento pessoal e profissional, tanto no mundo corporativo quanto como empreendedores.

“O que torna ainda mais rico o propósito desta série é a diversidade de personagens e de histórias reais que vão servir de exemplo não só para os 50+ como para os mais jovens, muitos já mais conectados com o propósito da diversidade, da inclusão, da equidade no mundo corporativo e na vida social”, aponta Andréia.

 

Já Betty ressalta a força da palavra “revolução” em todas as fases importantes e de mudanças na história da evolução do ser humano e da própria humanidade:

“De acordo com dados e estimativas dos relatórios da ONU, a população com 50 anos de idade e acima está crescendo a uma taxa de 3% ao ano e, até 2030, seremos em torno de 1,4 bilhão nos diferentes continentes do mundo; os planos de ação internacional sobre o envelhecimento populacional sugerem mudanças imediatas de atitudes, políticas e práticas de inclusão digital, acessibilidade, acolhimento e respeito à diversidade étnica e etária, entre outras ações e decisões necessárias, para que os ‘idosos’ deixem de ser invisíveis e possam ser capacitados ao exercício de novas funções e terem novamente a oportunidade de criar atividades, serviços ou produtos para serem produtivos e exercerem sua cidadania, através de seus direitos e deveres, no século XXI.”

 

Em 24 capítulos, o livro aborda temas como celebração, biografia humana e ciclos de desenvolvimento, universo, autoconsciência revolutiva, como navegar com propósito em um mar de incertezas após os 50 anos, mudanças e reinvenções, atemporalidade da idade, entre outros. Os leitores também poderão conferir temas instigantes como protagonismo, ressignificação através do amor e da dor, potencial infinito, humanização das organizações, filantropia e solidariedade aos 50+. O público ainda pode ser impactado com um capítulo que deixa a reflexão: O amor pode mudar vidas e estimular o empreendedorismo depois dos 50?

 

Ficha técnica

Lançamento do Livro: Revolução 50+

Coordenação: Andréia Roma e Betty Dabkiewicz

Data: 09/04/2021, às 19h

Lançamento pelo Youtube: https://www.youtube.com/c/EditoraLeader

Editora: Leader

Site: http://www.editoraleader.com.br